VIII Encontro Ibérico de Leitores Saramago da Eurocidade do Guadiana

A Biblioteca Municipal de Castro Marim acolheu, na passada sexta-feira, a sessão inaugural do VIII Encontro Ibérico de Leitores Saramago, que decorreu de 10 a 12 de novembro, desdobrado entre a Eurocidade do Guadiana – Castro Marim, Ayamonte e Vila Real de Santo António.

 

A abertura foi feita pela vice-presidente do Município de Castro Marim, Filomena Sintra, que realçou a Eurocidade enquanto palco e espelho da ligação Portugal-Espanha, vivida pelo escritor, pelo presidente do Município de Vila Real de St. António, Álvaro Araújo, e pela vice-presidente do Município de Ayamonte, Paloma Ogáyar. Na mesma mesa inaugural estavam Idália Tiago, da Fundação José Saramago, e Diego Mesa, promotor da Aula Saramago, realçando-se o papel das bibliotecas na história de José Saramago, já foi nelas que se fez leitor e escritor.

 

Seguidamente deu-se início à conferência proferida pelo Prof. Doutor Carlos Reis, intitulada “Os Outros Saramagos ou a sobrevida do escritor”. Este primeiro dia terminou com a exibição do documentário José y Pilar, de Miguel Gonçalves Mendes.

 

O VIII Encontro Ibérico de leitores Saramago terminou ontem, também em Castro Marim, na visita pela Rota Literária Saramago no Algarve,  uma iniciativa que nasceu inspirada no livro do escritor espanhol Diego Mesa, “Viagem ao Algarve”, retirada da “Viagem a Portugal” do Nobel da Literatura, e que dá conta das semelhanças e diferenças que mais de quatro décadas necessariamente implicaram. Em Castro Marim, Saramago “deixou dívida aberta”, referindo “o formoso arcanjo Gabriel da igreja matriz”, tendo subido ao castelo, e finalizado com “meia volta ao Castelo Velho”.

 

A exposição “Voltar aos Passos que foram dados”, com seleção e composição de textos de Carlos Reis e Fernanda Costa, e design de André Letria, pode agora ser visitada nas três bibliotecas municipais que acolhem o evento.

 

Ler/celebrar Saramago, é o mote destes encontros de partilha, realizando o sonho do escritor: «Seria perfeito poder reunir em um só lugar, sem diferenças de países, de raças, de credos e de línguas, todos quantos me leem, e passar o resto dos meus dias a conversar com eles».

 

O 8.º Encontro Ibérico de Leitores Saramago foi organizado pelas Câmaras Municipais de Castro Marim e VRSA, em parceria com a Biblioteca Municipal de Beja – José Saramago e o promotor da Aula Saramago – Diego Mesa, com o apoio do Ayuntamiento de Ayamonte, da Eurocidade do Guadiana e da Fundação José Saramago.

Mais Artigos