Sismos atingem, na terça-feira de Carnaval, zona do Cabo de São Vicente, em Sagres, e serra de Monchique

Não existem informações sobre vítimas, nem prejuízos materiais. O tremor de terra registado pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera, com epicentro a sudoeste daquela área do concelho de Vila do Bispo, foi de magnitude 1.8., enquanto o abalo no interior algarvio chegou a 1.5 na Escala de ‘Ritcher’.

José Manuel Oliveira

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) registou, durante a noite de terça-feira de Carnaval, 13 de Fevereiro de 2024, um sismo de magnitude 1.8 na Escala de ‘Ritcher’, com epicentro a sudoeste do Cabo de São Vicente, zona de Sagres, e a 31 quilómetros de profundidade. Não há indicações de vítimas, nem de danos materiais, nos contactos efectuados pelo ‘Litoralgarve’, naquela localidade do concelho de Vila do Bispo. “Nada sentimos”, contaram vários residentes em Sagres.

De acordo com o IPMA, o tremor de terra foi assinalado pelas 22h.04m.23s. e as coordenadas geográficas apontam, ainda, latitude 36.616 N e longitude 9.788 W.

Cerca de seis horas antes, às 16h.28m.13s., houve um sismo de magnitude 1.5, com epicentro a nordeste de Monchique e a uma profundidade de nove quilómetros, longitude 8.523 W e latitude 37.361 N.

Dois abalos de menor intensidade em Monchique durante a madrugada

Também no dia 13 de Fevereiro de 2024 foram registados mais dois abalos sísmicos, estes de fraca intensidade, naquela zona do interior do barlavento algarvio. O primeiro ocorreu pelas 00h.09m.36s., de magnitude 0.2 a oeste de Monchique e a 14 quilómetros de profundidade. As coordenadas geográficas indicam latitude 37.312 N e longitude 8.604 W. Já o segundo foi assinalado pouco mais de duas horas depois, quando eram 02h.17m.37s., e teve magnitude 0.6, com epicentro a NW de Monchique, profundidade de 15 quilómetros, latitude 37.333 N e longitude 8.57 W., segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera divulga no seu registo diário sobre a actividade sísmica.

Mais Artigos