Quarteto português com percurso definido na 12.ª edição do Loulé Open

Mau tempo ditou o cancelamento da segunda jornada Terça-feira terá dupla ação para concluir qualifying

Tiago Cação, Luís Faria, Pedro Araújo e Fábio Coelho, os quatro tenistas portugueses confirmados no quadro principal de singulares da 12.ª edição do Loulé Open, conheceram esta segunda-feira os respetivos percursos no torneio. A chuva ditou o cancelamento da segunda jornada do torneio internacional de 25.000 dólares organizado pelo Clube de Ténis de Loulé com os apoios da Câmara Municipal de Loulé e da Federação Portuguesa de Ténis.

Número 480 do ranking ATP, Tiago Cação foi o único representante luso a ter entrada direta no quadro principal de singulares e vai defrontar o espanhol Alejandro Moro Canas (481.º) na primeira eliminatória.

Pedro Araújo, que no Loulé Open de 2021 (adiado para o mês de outubro) alcançou pela primeira vez as meias-finais de um torneio internacional de 25.000 dólares, é o número 758 mundial e recebeu um dos quatro wild cards à disposição da organização. O lisboeta, atual vice-campeão nacional absoluto, tem encontro marcado com o norueguês Viktor Durasovic (323.º e quinto cabeça de série).

Luís Faria (735.º) e Fábio Coelho (998.º) também foram contemplados com convites para o quadro principal, mas terão de aguardar pelo desfecho do qualifying para conhecerem os primeiros adversários. Devido à chuva, a jornada de terça-feira será dedicada às últimas duas rondas da fase de qualificação.

O derradeiro wild card foi entregue ao francês Jules Marie (ex-top 250), que venceu as cinco rondas do torneio wild card organizado nos últimos dias.

O 12.º Loulé Open tem como primeiro cabeça de série o japonês Kaichi Uchida (251.º ATP), que regressa ao Clube de Ténis de Loulé para tentar defender o título conquistado há quatro meses.

PUBLICIDADE