Presidente do PSD, Luís Montenegro, visita os 16 concelhos do Algarve, em quatro dias, a partir desta segunda-feira, já a preparar a campanha para as eleições legislativas a 10 de Março de 2024

‘Sentir Portugal no Algarve’ é o lema do programa social-democrata, em que Luís Montenegro tem encontros marcados de uma ponta à outra desta região. Começa a 13 de Novembro, em Loulé, com uma reunião da Comissão Política Permanente do partido, e termina no dia 16, em Vila Real de Santo António, junto da Comissão de Utentes da Estrada Nacional nº. 125.

 

José Manuel Oliveira

 

O líder do Partido Social Democrata (PSD), Luís Montenegro, está já a preparar terreno para a campanha eleitoral que se avizinha, começando pelos 16 concelhos do Algarve. Tal sucede na sequência da convocação de eleições legislativas antecipadas, pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, para 10 de Março de 2024, após a decisão de dissolver o parlamento, devido à demissão do primeiro-ministro, António Costa, que está a ser investigado pelo Supremo Tribunal de Justiça, num processo de suspeitas de corrupção e tráfico de influências, resultante de escutas telefónicas, envolvendo o seu chefe de gabinete e o ministro das Infraestruturas, João Galamba, entre outros elementos.

Como tal, o PSD anunciou um vasto programa designado `Sentir Portugal no Algarve’, que principia nesta segunda-feira, 13 de Novembro, e termina a 16, quinta-feira. O périplo do presidente do principal partido da oposição e agora candidato a primeiro-ministro, tem início, pelas 10h30m., em Loulé (antigo bastião do PSD e há anos dominado pelo PS na Câmara Municipal), com uma reunião da Comissão Política Permanente social-democrata, a que se seguirá, a partir das 13.00 horas, um almoço com empresários locais, em São Brás de Alportel, outro município de maioria socialista.

Viagem de barco à Ria Formosa, no município de Olhão, com biólogos e produtores de bivalves

Pelas 16h15m., está marcada uma visita de barco à Ria Formosa, já no concelho de Olhão (também liderado pelo PS), com a presença de biólogos, marinhos e produtores de bivalves. O programa prossegue, a partir das 16h.45m., em Tavira (concelho que já foi do PSD e passou para o PS), onde haverá um encontro com a população que reivindica a construção de uma ponte pedonal.

Ao início da noite, será a vez de um jantar a partir das 19h15m., com o ‘Movimento Algarve’, em Albufeira, município, há anos, liderado pelo PSD. Luís Montenegro finaliza o primeiro dia desta visita ao Algarve, com uma Assembleia Distrital do partido, também em Albufeira.

Na terça-feira, 14 de Novembro de 2023, inicia o dia, pelas 10h.30m., com uma viagem de comboio, na companhia do ‘Movimento + Ferrovia´, desde a localidade de Tunes, situada no concelho de Silves (município que já pertenceu ao PSD e é, há dez anos, presidido pela CDU, coligação liderada pelo PCP), até Portimão (desde sempre um bastião do PS), onde está prevista, para as 11h.45m., a chegada à estação da CP.

Visita às instalações da GNR de Aljezur, que se encontram em estado degradado, passagem pela Fortaleza de Sagres, no concelho de Vila do Bispo, e final de tarde na Marina de Lagos

À tarde, com início às 15.00 horas, a comitiva do PSD deslocar-se-á a Aljezur (concelho de maioria socialista), para visitar as instalações da Guarda Nacional Republicana (GNR), que se encontram “degradadas”, como o partido faz questão de assinalar neste programa. Posteriormente, Luís Montenegro seguirá para a Fortaleza de Sagres, no concelho de Vila do Bispo (município onde o PS perdeu a maioria absoluta nas últimas eleições autárquicas), com chegada prevista pelas 16h.15m. O programa encerrará pelas 17h.30m., com uma visita à Marina de Lagos, concelho há anos sob comando dos socialistas.

Albufeira juntará o sector empresarial e em Lagoa, o líder do PSD será acompanhado pelo movimento de cidadãos que luta pela defesa da zona húmida de Alagoas Brancas

No dia 15 de Novembro de 2023, quarta-feira, às 11.00 horas, o líder do PSD tem agendada uma reunião que juntará o sector empresarial, em Albufeira, no ‘Movimento Acreditar’. Em seguida, irá a Silves, onde terá um almoço, a partir das 13.30 horas, com os elementos da Associação de Regantes e Beneficiários de Silves, Lagoa e Portimão. O programa inclui, ainda, às 15h30m., a deslocação à zona húmida de Alagoas Brancas, em Lagoa (concelho presidido pelo PS), acompanhado com o movimento de cidadãos que luta pela preservação deste espaço ambiental e que tem sido alvo de imensa polémica devido a projectos imobiliários. A jornada terminará com uma visita marcada para as 16h.45m. a uma exploração vitivinícola em Loulé.

Deslocação ao local onde está prevista a construção da Barragem da Foupana, no concelho de Castro Marim

O programa do PSD ‘Sentir Portugal no Algarve’ encerrará na quinta-feira, 16 de Novembro de 2023, em que terá lugar, pelas 10.00 horas, em Faro (concelho liderado pelos sociais-democratas), a apresentação de cumprimentos ao Reitor da Universidade do Algarve, doutor Paulo Águas, e uma visita ao Curso de Medicina. A partir das 12.00 horas, Luís Montenegro tem agendada a deslocação ao local onde, há anos, está prevista a construção da Barragem da Foupana, no concelho de Castro Marim (município de maioria ‘laranja’) e, depois, com início pelas 13.00 horas, haverá um almoço “com entidades convidadas”, as quais o PSD não especifica, em Alcoutim, concelho que o PSD perdeu, há anos, para o PS.

Finalmente, o presidente social-democrata e candidato a primeiro-ministro, em 2024, despede-se do Algarve, após uma reunião, às 15h.30m., com elementos da Comissão de Utentes da (polémica, devido ao seu mau estado de conservação, entre outros factores) Estrada Nacional nº. 125, em Vila Real de Santo António, município onde o PSD foi derrotado pelos socialistas, nas últimas eleições autárquicas.

 

Mais Artigos