Polícia Judiciária detém ‘barman’ suspeito de tentativa de homicídio em Lagos, com ligação ao tráfico de droga

Comunicado da PJ revela que o homem foi detido pelo Departamento de Investigação Criminal de Portimão, “por fortes suspeitas de ter praticado um crime de homicídio na forma tentada e detenção de arma proibida”, há quatro meses

Um homem, de 41 anos, ‘barman’, foi detido por inspetores do Departamento de  Investigação Criminal (DIC) de Portimão da Polícia Judiciária (PJ), “pela presumível autoria de um homicídio na forma tentada” e posse de arma proibida, no dia 08 de Janeiro de 2023, em Lagos, “em resultado de um ajuste de contas”, com ligação ao trafico de droga.

Em comunicado enviado aos órgãos de informação, a 09 de Maio de 2023 (terça-feira) o Gabinete de Imagem e Comunicação da Direção Nacional da PJ, refere que “o detido atuou em coautoria material juntamente com outro indivíduo, já detido a 29 de Março, pelo DIC de Portimão da Polícia Judiciária.”

INDIVÍDUO  ATINGIDO   NO   TRONCO,  BRAÇO   E   FACE    POR    UMA  CAÇADEIRA,   APÓS   DESLOCAÇÃO   A   UM   LOCAL   ERMO   NA   ZONA    DE    LAGO  PARA    ADQUIRIR,   JUNTAMENTE  COM   OUTRO,   PRODUTO    ESTUPEFACIENTE

“Após combinação prévia de lugar e hora, as vítimas, com o objetivo de adquirirem produto estupefaciente, deslocaram-se a um local ermo na zona de Lagos. Já no local, um dos detidos, munido de uma caçadeira, efetuou um disparo para o interior da viatura onde aqueles circulavam, atingindo um deles no tronco, braço e face, não lhe causando a morte por mero acaso. Embora ferido com gravidade, a vítima conseguiu sair rapidamente do local ao volante da viatura, dirigindo-se a uma unidade hospitalar onde foi assistida”, revela a Policia Judiciária.

Na sequência do cumprimento de mandato de detenção emanado pelo Ministério Público de Lagos, o homem é presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas por um juiz de instrução criminal.

(Em atualização)