Pavilhão Portimão Arena recebe 23º. congresso do Partido Socialista nos dias 28 e 29 de Agosto

Carlos César, presidente do PS, entende que estão “reunidas as condições” para realizar o Congresso dos socialistas, uma vez que 70% da população já foi vacinada contra a Covid-19 com pelo menos uma dose e, “até ao final de agosto”, 70% da população terá a vacinação completa.

O XXIII Congresso do PS vai ser realizado a 28 e 29 de agosto, na Portimão Arena, no Algarve, estando “finalmente reunidas condições” sanitárias para o efeito, revelou esta segunda-feira o presidente do partido à agência Lusa.

“Confirmo que o nosso XXIII Congresso Nacional, que se realizará na última data aprovada na Comissão Nacional do partido, 28 e 29 de agosto próximos, terá lugar na cidade de Portimão”, afirmou Carlos César à Lusa.

O líder socialista lembrou que o congresso “já devia ter ocorrido em maio de 2021”, mas que a “data foi sendo sucessivamente adiada” devido à pandemia da Covid-19.


César avançou que os delegados ao congresso terão de realizar teste à Covid-19 ou apresentar o certificado de vacinação à entrada do edifício.

“O congresso decorrerá na Portimão Arena, no Algarve, onde o número de delegados presentes não chegará a metade da capacidade do espaço, com o distanciamento físico adequado dos delegados e com o acesso condicionado ao certificado de vacinação ou teste realizado à entrada do edifício”, acrescentou o socialista.

Congresso socialista deve voltar ao formato inicial, admite Carlos César

Carlos César disse estarem “reunidas as condições” para realizar o Congresso dos socialistas, uma vez que 70% da população já foi vacinada contra a Covid-19 com pelo menos uma dose, sendo que, “até ao final de agosto”, 70% da população terá a vacinação completa.

“Finalmente, estão reunidas condições para o realizar [o congresso], designadamente com a meta alcançada de 70% da população vacinada com pelo menos uma dose, e até ao final de agosto 70% com a vacinação completa e com as novas regras sobre eventos entretanto anunciadas”, assinalou.

Segundo disse, os delegados também poderão participar à distância, “garantindo-se por meios digitais, o direito à credenciação, pedido de palavra e participação nas votações”.

A 03 de julho, o presidente do PS tinha anunciado que Comissão Nacional do PS aprovara, com 86% de votos favoráveis, a remarcação do 23º Congresso Nacional do partido para 28 e 29 de agosto.

PUBLICIDADE