Música, cinema e poesia marcam programação do Philosophy Spring Festival

O Clube dos Filósofos Vivos da Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes está a promover mais uma vez a iniciativa Philosophy Spring Festival, cujo programa vem decorrendo em maio e se prolonga até aos primeiros dias de junho, com a realização, um pouco por toda a cidade de Portimão, de diversas atividades de entrada livre.

A presença da cultura portuguesa, que no ano passado se traduziu na conferência sobre Agostinho da Silva, tem em 2024 o fado como protagonista, juntando jovens, pais e avós.

Na continuação do programa, estão marcados para o próximo sábado, 25 de maio, uma palestra de Filosofia e um concerto de jazz, realizando-se a primeira atividade na Escola de Hotelaria e Turismo de Portimão, a partir das 17h00, com a participação de Maria João Cantinho, que falará sobre o tema “Lou Andréas Salomé: uma Mulher à margem das convenções”.

Pelas 21h30, o Júpiter Algarve Hotel receberá um concerto de jazz a cargo da banda portuguesa Swing na Mouche, que reconstituirá o ‘glamour’ do Hot Club de Paris, com a participação de Django Reinhardt e vários dançarinos.

No dia seguinte, a partir das 16h00, haverá fado no coreto da zona ribeirinha de Portimão sob o mote “Povo que cantas no rio”, com interpretação da fadista Rita Raimundo, acompanhada à guitarra por Vítor do Carmo e à viola por José Santana.

Com início às 10h00 de 27 de maio, o Algarcine – Cinemas de Portimão exibirá o filme “A Fada do Lar”, de João Maia, que será visto em conjunto por jovens da Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes e utentes dos lares seniores da cidade, numa sessão em que estará presente o argumentista André Guerra Santos.

Ao longo deste dia, haverá sessões sobre Filosofia para Crianças, dinamizadas por Laurinda Silva junto das turmas do 4.º ano da EB 2,3 José Buísel.

Cerca das 18h00 de quarta-feira, dia 29, decorrerá no Jardim Visconde Bívar a apresentação do livro “Poesia & Música nos Jardins”, da autoria do jovem poeta portimonense Miguel Viana, animada pela atuação da banda de rock Divine, constituída por adolescentes portimonenses que aproveitarão a oportunidade para apresentar o seu álbum de estreia.

A atividade seguinte terá lugar por volta das 18h00 do dia 2 de junho, com o regresso do fado ao coreto da zona ribeirinha de Portimão, desta vez interpretado por Cremilde Lourenço, acompanhada à guitarra por Filipe Batista e à viola por António Correia.

O espetáculo de encerramento do Philosophy Spring Festival deste ano realiza-se a 4 de junho, pelas 18h00, no areal junto à Área Desportiva da Praia da Rocha, constando do programa um concerto por Carolina Reis (voz e guitarra) e Duarte Gomes(handpan).

Experiências cognitivas e estéticas

Segundo os organizadores, o festival “pretende ser uma espécie de lado B da Escola e da Filosofia que nela se ensina, ao proporcionar aos jovens adolescentes experiências cognitivas e estéticas que sejam diferentes das que estão habituados e que lhes criem saudável desassossego, emoções novas e um forte encantamento, desejavelmente inesquecível.”

A iniciativa obedece a um paradigma de envolvimento dos jovens na sua conceção e implementação, visando dotá-los de competências de cidadania ativa, espírito crítico e capacidade empreendedora.

O Philosophy Spring Festival 2024 conta com os patrocínios da Câmara Municipal e da Freguesia de Portimão, tem como rádio oficial a Alvor FM e é apoiado pelas seguintes entidades: Algarcine – Cinemas de Portimão, Restaurante Faina, Clube União Portimonense, Papelaria Arco Íris, Publicar, Escola de Hotelaria e Turismo de Portimão e Júpiter Algarve Hotel.