Município vê aprovadas candidaturas no valor de 1,3 milhões para recuperação de habitação social

O Município de Olhão está a reabilitar dois bairros habitacionais na cidade – o Bairro Horta da Cavalinha e o Bairro Horta Dr. Pádua -, exclusivamente com fundos comunitários, cujo valor ascende a mais de 1,3 milhões de euros. As verbas provêm de candidaturas apresentadas ao abrigo do Programa 1º Direito, no âmbito do Investimento RE-C02-i01 “Programa de Apoio ao Acesso à Habitação” do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

No Bairro Horta Dr. Pádua estão a ser reabilitados 97 fogos situados em 13 blocos de gestão municipal, num investimento que ascende aos 1.035.140,66€, enquanto no Bairro Horta da Cavalinha estão já finalizadas as obras de reabilitação de 28 apartamentos, localizados em seis blocos habitacionais, num investimento de 276.998,25€. Nas 125 habitações abrangidas nestes dois bairros residem famílias que cumprem os critérios de elegibilidade do Programa 1º Direito.

No total, e nos próximos anos, o Município pretende apoiar em termos habitacionais cerca de um milhar de agregados familiares, no âmbito da Estratégia Local de Habitação de Olhão (ELHO) – 1º Direito, seja reabilitando frações, seja construindo prédios ou empreendimentos habitacionais.

Conforme destaca o presidente do Município de Olhão, António Miguel Pina, “a autarquia está, desta forma, e aproveitando os fundos comunitários disponíveis, a promover soluções de qualidade para quem vive em situação de maior carência habitacional no concelho, nomeadamente em situação de insalubridade e insegurança. A melhoria em termos de habitabilidade é um dos grandes desígnios do nosso mandato”.