Município de Silves iniciou a empreitada de “Reforço de Adução à Zona Nascente do Subsistema de São Bartolomeu de Messines”

O Município de Silves iniciou a empreitada de “Reforço de Adução à Zona Nascente do Subsistema de São Bartolomeu de Messines” (Aldeia Ruiva para nascente) cujo investimento ascende a cerca de 160 mil euros.

Com um prazo de execução previsto de execução de 4 meses, esta empreitada faz parte de um conjunto de intervenções prioritárias, que resultaram de um estudo hidráulico contratado por este Município, com o objetivo de aumentar a resiliência do subsistema de abastecimento de água e melhorar as condições do serviço prestado, nomeadamente no que toca à pressão das redes.

A execução da empreitada, em conjunto com outros trabalhos já realizados, no âmbito da obra de “Dispositivos de Controlo e Redução de Perdas no Subsistema de Água”, que abrange todo o concelho, permitirá:

– a redução da pressão existente nas zonas baixas da Vila de São Bartolomeu de Messines;

– o aumento da pressão durante o período de maior consumo nos prédios situados nas Fontainhas e na Urbanização Horta Acima;

– a melhoria da capacidade de adução ao reservatório de Messines de Cima;

– a criação de condições para a ampliação da rede para nascente,  nomeadamente Vale Figueira.

Estas empreitadas inserem-se na linha estratégica do Município de Silves de reorganização, consolidação e modernização da rede de abastecimento de água, visando o controlo e redução das perdas, a elevação da eficiência energética e hídrica e um serviço público de maior qualidade.