Eleições na Distrital de Faro do Chega – João Graça, candidato da lista A, ao ‘Litoralgarve’: “Depois de termos feito um marco histórico, só nos resta continuar a crescer”

Em breves declarações, por escrito, ao nosso Jornal, João Graça traçou, numa frase, os objectivos da candidatura da lista A, às eleições para os órgãos distritais de Faro do Chega, que têm lugar neste domingo, dia 05 de Maio, na capital algarvia. Por outro lado, preferiu não comentar as críticas de que tem sido alvo por parte de militantes que apoiam a lista B, liderada por Pedro Xavier.

José Manuel Oliveira

O deputado do Chega na Assembleia da República João Graça, que se recandidata à presidência da Comissão Política Distrital de Faro do partido, numa breve declaração, por escrito, ao ‘Litoralgarve’, sobre o lema e as prioridades da sua lista, A, sublinha: “O nosso lema não poderia ser outro: «continuar a crescer». Quanto às prioridades, bem, depois de termos feito um marco histórico, só nos resta continuar a crescer. Os mandatos são de três anos. Depois, há uma coisa: o reconhecimento e pelas palavras do Dr. André Ventura.”

“Em bom inglês: “no comment” [sem comentário] a críticas de militantes do Chega no Algarve

Num ‘email’, o nosso Jornal colocou a João Graça outras questões:

– Há militantes do Chega no Algarve, apoiantes da lista de Pedro Xavier, que acusam o atual presidente da Comissão Política Distrital de Faro, João Graça, de “quero, posso e mando”, impondo o que entende. Como reage a isso? O que se passa em concreto?

– Também há militantes que apoiam o candidato Pedro Xavier, que se queixam de “falta de informação por parte da Distrital de Faro” sobre a lista B, chegando ao ponto de falar em “boicote”. O que se passa? Como tem gerido este processo eleitoral? Como é a sua relação com Pedro Xavier? Ele falou com o senhor antes de se candidatar?

João Graça limitou-se a responder: “Em bom inglês: “no comment”.” Ou seja, em português: “sem comentário.”

Eleições decorrem entre as 10.00 e as 19.00 horas, neste domingo, 05 de Maio, na sede do Chega, em Faro

Recorde-se que as eleições para os órgãos distritais de Faro do Chega (Comissão Política Distrital e Conselho de Jurisdição) têm lugar neste domingo, dia 05 de Maio de 2024, entre as 10.00 e as 19.00 horas, na sede distrital do partido, com morada na Rua de Santo António, nº. 14, e na Travessa Rebelo da Silva, nº. s 19, 21 e 23, no centro da capital algarvia. O vencedor será o principal responsável do Chega nesta região, até meados de 2027. Ou seja, terá a seu cargo o processo eleitoral para as eleições do Parlamento Europeu (já no dia 09 de Junho de 2024), as eleições autárquicas (em Setembro ou Outubro de 2025) e as presidenciais, em Janeiro de 2026.

Como o nosso Jornal já referiu, às eleições para os órgãos distritais de Faro do Chega concorrem duas listas: uma é a A, liderada por João Graça, de 50 anos, funcionário público, natural de Esposende e residente em Sagres, no concelho de Vila do Bispo, tendo sido eleito, no dia 10 de Março de 2024, deputado na Assembleia da República, pelo Círculo Eleitoral de Faro, nas eleições legislativas antecipadas. A outra lista, a B, surgiu por iniciativa de Pedro Xavier, de 50 anos, natural de Portimão, onde reside e é empresário e vereador do Chega no executivo camarário local, de maioria socialista.

Três deputados do Chega na Assembleia da República, tal como o PS e a AD, eleitos no dia 10 de Março de 2024, pelo Círculo Eleitoral de Faro, onde o partido de André Ventura é, agora, a maior força política, com 27,19 por cento do eleitorado

Dos nove deputados eleitos pelo Círculo Eleitoral de Faro para a Assembleia da República, no dia 10 de Março de 2024, o CHEGA conseguiu passar de um para três, sendo agora a maior força política no Algarve, com Pedro Pinto, João Paulo Graça e Sandra Ribeiro. O partido conquistou 27,19 por cento do eleitorado nesta região do sul do país, obtendo 64.228 votos. Isto, depois de chegar a 23.998 votos em 2022. Ou seja, desta vez alcançou mais 40.230.

Mais Artigos