Eleições legislativas antecipadas 2024 – “Boa afluência, rapidez e organização. As pessoas chegavam, votavam e iam-se embora”, na Escola Secundária Júlio Dantas, em Lagos

Comissão Nacional de Eleições aponta para aumento da votação a nível nacional face às últimas eleições, em 2022.

José Manuel Oliveira

“Vi uma boa afluência, rapidez e organização. As pessoas chegavam, votavam e iam-se embora”, contou, ao ‘Litoralgarve’, Ana Oliveira, que exerceu o seu direito de voto pouco antes das 09.00 horas deste domingo, dia 10 de Março de 2024, na Escola Secundária Dr. Júlio Dantas, em Lagos.

Melhoria do tempo também contribui para o eleitorado votar

Depois da chuva e vento, que também atingiram esta cidade, no sábado, o sol voltou a brilhar, no domingo,notando-se melhoria do tempo, o que estará a contribuir para aumentar a afluência às urnas no concelho de Lagos.Esta situação, de resto, regista-se a nível nacional, de acordo com a Comissão Nacional de Eleições. Já o Ministério da Administração Interna indica que, até às 12.00 horas, votaram 25,21 por cento dos 10.819.122 eleitores inscritos em Portugal. A afluência às urnas nestas eleições legislativas está a ser superior às últimas, em 2022.

NOVE LUGARES EM DISPUTA NO ALGARVE

No Círculo Eleitoral de Faro concorrem 182 candidatos a deputados, efectivos e suplentes, em representação de 14 partidos e coligações políticas. O Algarve elege nove deputados para a Assembleia da República. Nas últimas eleições legislativas, realizadas em 2022, foram eleitos cinco deputados pelo Partido Socialista, três do Partido Social Democrata e um do Chega.

(Em actualização)