Eleições Legislativas 2024  – Presidente do PSD/Algarve, Cristóvão Norte, não comenta, para já, saída do deputado Rui Cristina do partido e candidatura pelo Chega, em Évora

“Estamos unidos para ganhar a 10 de Março”, avisa Cristóvão Norte, que ocupa o segundo lugar na lista de candidatos a deputados da Aliança Democrática pelo Círculo Eleitoral de Faro. Já o PSD de Loulé decidiu retirar a confiança política a Rui Cristina, exigindo-lhe a renúncia ao cargo de vereador do executivo camarário local.

José Manuel Oliveira

“Não desejo, neste momento, exprimir qualquer opinião sobre as matérias que propõe.

Apenas assinalar que estamos unidos para ganhar a 10 de Março”. Foi esta a curta declaração de Cristóvão Norte, presidente da Comissão Política Distrital de Faro do Partido Social Democrata (PSD), às 23h.51m. de 22 de Janeiro de 2024, através de um ‘email’, em resposta a um outro que lhe foi enviado pelo ‘Litoralgarve’ quando eram 22h.56m. do mesmo dia. Tal surgiu na sequência dos últimos acontecimentos registados neste partido, com a elaboração da lista de candidatos a deputados da nova Aliança Democrática (AD) pelo círculo eleitoral de Faro às eleições legislativas antecipadas que terão lugar a 10 de Março deste ano. No ‘email’, apresentámos as seguintes questões:

– Rui Cristina, deputado algarvio do PSD desde 2019 na Assembleia da República e já com vinte anos de militância, passou de segundo para quinto lugar na lista de candidatos ao parlamento, o que o levou, agora, a abandonar o partido. Como reage a esta situação? Ele deu-lhe conta dessa decisão? O que justificou? O senhor falou com ele? Ficou surpreendido?

– Numa carta enviada ao presidente do PSD, Luís Montenegro, Rui Cristina acusou a atual liderança do partido de ter «maior preocupação com ajustes de contas internos, imposição de egos que na essência não assumem compromissos sérios com o partido, interessados unicamente numa permanente querela pelo poder». O que pensa disso?

– Ao que tudo indica, Rui Cristina passa do PSD para o Chega, devendo integrar a lista deste partido pelo Círculo Eleitoral de Évora. Qual o seu comentário? Já falou com ele?

– Que repercussões poderá ter esta situação no PSD no Algarve para a campanha eleitoral?

– O que lhe parece a nomeação de Miguel Pinto Luz, vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais, para encabeçar a lista de candidatos a deputados da nova AD pelo Círculo Eleitoral de Faro? Como justifica o partido esta escolha, numa altura em que existem sinais de descontentamento no PSD, no Algarve, que apostam em si, como presidente da Distrital, para liderar este processo?

– O que lhe têm dito os militantes e simpatizantes do PSD no Algarve?

– Como está e irá decorrer a campanha eleitoral em face destas situações criadas com a elaboração da lista de deputados da nova Aliança Democrática ? Os militantes estão mobilizados? Com esta coligação, o PSD poderá correr o risco de perder posições no Algarve, onde tem três deputados?

  Como já referimos, Cristóvão Norte não pretende, para já, tecer comentários sobre estas matérias.

“Não desejo, neste momento, exprimir qualquer opinião sobre as matérias que propõe. Apenas assinalar que estamos unidos para ganhar a 10 de Março”, frisou o líder social-democrata algarvio.

Os 17 nomes que a Aliança Democrática (PSD, CDS-PP e PPM) apresenta na lista de candidatos a deputados à Assembleia da República pelo Círculo Eleitoral de Faro

Depois da demissão de Rui Cristina, a lista de candidatos a deputados da Aliança Democrática (que integra o PSD, CDS-PP e o PPM-Partido Popular Monárquico), pelo Círculo Eleitoral de Faro para as eleições legislativas antecipadas a realizar no dia 10 de Março de 2024, passou a ser constituída pelos seus elementos:

1º. – MIGUEL PINTO LUZ  –  (Vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais e da Comissão Política Nacional do PSD)

2º. – CRISTÓVÃO Duarte Nunes Guerreiro NORTE  – (Presidente da Comissão Política Distrital de Faro do PSD)

3º. – OFÉLIA Isabel Andrés da Conceição RAMOS – (actual deputada na Assembleia da República pelo Círculo Eleitoral de  Faro. Mantém o mesmo lugar das últimas eleições legislativas, em 2022)

4º. – CRISTIANO José da Ponte CABRITA – (Vice-Presidente da Câmara Municipal de Albufeira)

5º. – DINIS Manuel da Palma FAÍSCA  – (substitui Rui Cristina, que tinha sido indicado para este lugar na  lista de candidatos a deputados da AD)

6º. – MARIA ALEXANDRA Martins EVANGELISTA

7º. – ISILDA Maria Mendes GUERREIRO –  (presidente da Comissão Política Concelhia de Loulé do CDS-PP e segunda vice-presidente da Distrital de Faro deste partido)

8º. – ARTUR Alexandre Augusto Agostinho GOMES –  (em representação da Juventude Social Democrata no Algarve)

9º. – SORAIA BEATRIZ Cruz de ALMEIDA – (militante em Olhão e representante dos TSD – Trabalhadores Sociais Democratas)

SUPLENTES

1º. – CARLOS Sérgio Freire QUINTINO  –  (Tesoureiro da Comissão Política Distrital de Faro do PSD)

2º. – JOAQUIM José Martins CABRITA – (Vogal da Comissão Política Distrital de Faro do PSD)

3º. – LÍGIA Maria Pereira SANTOS –  (CDS-PP)

4º. – SÍLVIA Maria Tomé de Sousa REVÉS

5º. – CARLOS Augusto Caimoto Amaral LUDOVICO

6º. – RICARDO Jorge dos Santos PINTO

7º. – MÍLVIA Filipa Pires de Campos GONÇALVES  – (militante do PSD em Lagos)

8º.-  ANABELA da Conceição Marques LANÇA

PSD de Loulé retira confiança política a Rui Cristina e exige exoneração do cargo de vereador no executivo camarário local presidido pelo PS

Entretanto, o PSD de Loulé, após reunião na terça-feira, dia 23 de Janeiro de 2024, decidiu retirar a confiança política a Rui Cristina, vereador deste partido no executivo camarário local, presidido pelo socialista Vítor Aleixo. Num comunicado com apenas dois parágrafos, assinado pelo presidente da Comissão Política do PSD de Loulé, Cláudio Lima, e divulgado na quarta-feira, 24 de Janeiro de 2024, pode ler-se o seguinte: “Depois de termos sido surpreendidos, no passado dia 22.01.2024, através de informações  recebidas pelos órgãos de comunicação social e pelas redes sociais a respeito sua  desfiliação do PSD, foi decidido por unanimidade retirar a confiança política a Rui  Cristina, exigindo-lhe que, com efeitos imediatos, renuncie ao cargo de Vereador para o  qual foi eleito em representação do PSD. Sendo um processo de desfiliação um ato unilateral e com efeitos imediatos, cessaram  assim todas e quaisquer ligações mantidas entre Rui Cristina e o Partido Social  Democrata”.

Engenheiro civil e Diretor de Manutenção de Infraestruturas na empresa municipal Infralobo, com sede em Almancil, freguesia do concelho de Loulé, é a profissão que consta do seu currículo

Refira-se que, além de ser vereador na Câmara Municipal de Loulé e deputado na Assembleia da República, agora na condiçáo de não inscrito, até final desta legislatura, em Março de 2024, Rui dos Santos Cristina preside à Mesa de Seção do PSD de Loulé e ocupa uma das vice-presidências da Comissão Política Distrital de Faro do partido, juntamente com Ofélia Ramos. É engenheiro civil e Director de Manutenção de Infraestruturas na empresa municipal Infralobo, com sede em Almancil, no concelho de Loulé.  

(Em atualização)