Comunicado: COVID-19 (05-12-2020)

Estimados Cidadãos da Cidade de Lagos e demais interessados,

No seguimento da nossa última comunicação, a 20 de novembro de 2020, somos a informar que apesar de todos os esforços realizados, em permanente trabalho de articulação com a Autoridade de Saúde Local, continuamos com casos ativos de infeção por COVID-19 entre utentes e trabalhadores do Lar Rainha D. Leonor. São agora 13 os casos positivos ativos, nomeadamente: 9 utentes (1 caso que transita da anterior testagem a 16 de novembro e 8 novos casos detetados no teste realizado a 30 de novembro) e 5 trabalhadores (1 caso que transita da anterior testagem a 16 de novembro e 4 novos casos detetados posteriormente – 3 na semana seguinte e o último no teste realizado a 30 de novembro).

Dos 4 trabalhadores referidos na comunicação de dia 20 de novembro, 3 já se encontram recuperados e aptos para reforçar as equipas de trabalho na prestação de cuidados essenciais aos nossos utentes, aos quais se juntam mais 15 trabalhadores que se mantinham em isolamento profilático por contacto próximo suspeito com casos positivos.

Porém, temos a lamentar o falecimento de 2 utentes por COVID-19.À exceção de um utente positivo que se encontra internado no hospital (mas estável), os restantes utentes do Lar Rainha D. Leonor (negativos, positivos e em isolamento profilático) encontram-se bem, em isolamento nos seus quartos, com cuidados de monitorização de sintomatologia, higiene, conforto e alimentação prestados nos horários habituais, por um único trabalhador (foram destacados trabalhadores para grupos específicos de utentes, evitando cruzamentos).

Os trabalhadores envolvidos na presente dinâmica testaram negativo e não apresentam contacto próximo suspeito com casos positivos de COVID-19.Mais se informa que dos resultados obtidos nos testes realizados a todos os utentes do Lar José Filipe Fialho e Residências Maria Francisca Fialho, no dia 30 de novembro, não há qualquer registo de caso positivo detetado. Porém, temos a lamentar o surgimento de 2 casos positivos de infeção por COVID-19 entre trabalhadores do Lar José Filipe Fialho, no seguimento dos testes de rotina realizados a 29 de novembro de 2020 (ao abrigo do Protocolo de Rastreios COVID-19 aos Recursos Humanos das Estruturas Residenciais para Pessoas Idosas com número de utentes superior a 50, os trabalhadores do Lar Rainha D. Leonor, do Lar José Filipe Fialho e das Residências Maria Francisca Fialho, encontram-se a ser testados de 3 em 3 semanas, desde o dia 11 de outubro de 2020).

Destes 2 casos detetados, resultam mais 6 isolamentos profiláticos entre trabalhadores do Lar José Filipe Fialho (independentemente de terem realizado teste e obtido resultado negativo).A presente informação à comunidade será atualizada sempre que tal se justifique, reservando para os principais interessados (familiares e responsáveis pelos utentes), os nossos primeiros contactos.Permanecemos fortes, unidos e solidários. É esta a nossa principal arma para ultrapassar a adversidade. Agradecemos a melhor compreensão e o apoio de todos neste difícil momento para a Santa Casa da Misericórdia de Lagos, seus dirigentes, trabalhadores, utentes e familiares.

Lagos, 5 de dezembro de 2020

Santa Casa da Misericórdia de Lagos