Calçadão de Quarteira recebe instalações artísticas durante o verão

Inaugura no dia 10 de julho, pelas 19h00, no Calçadão de Quarteira, as instalações artísticas “Caleidoscópio” e “A Impertinência da Sombra”.

Este verão, o Calçadão de Quarteira será palco de uma vibrante mostra de arte pública. Em vez de apenas admirar obras em galerias e museus, este projeto oferece ao público uma experiência artística imersiva ao ar livre, promovendo encontros e reflexões.

A instalação artística “Caleidoscópio”, de Christine Henry, convida-nos a uma viagem introspetiva. Feita com materiais reutilizados, esta escultura em ferro leva-nos a refletir sobre a consciência, a perceção e a interconexão entre tudo ao nosso redor.

A obra de Mariana Dias Coutinho, “A Impertinência da Sombra”, é um convite à contemplação e reflexão. As pinturas circulares, que se mimetizam com as sombras das palmeiras, promovem um diálogo entre arte, natureza e sustentabilidade. Esta instalação incentiva-nos a repensar a nossa relação com o meio ambiente e a celebrar a beleza natural.

Estas instalações fazem parte do ciclo programático do Plano de Apoio às Artes (PAA), promovido pelo Município de Loulé, que visa estimular a produção artística na região do Algarve. Através do PAA, artistas locais têm a oportunidade de mostrar o seu trabalho ao público e contribuir para o enriquecimento cultural da comunidade.

As instalações estarão expostas no Calçadão de Quarteira até o final de setembro. A curadoria é de Miguel Cheta.