Booktokers estiveram na sexta-feira na Biblioteca Municipal de Castro Marim

O projeto BookTokers veio hoje a Castro Marim, à Biblioteca Municipal, para desafiar a relação dos jovens com os livros. O principal objetivo foi o de incentivar à leitura, dando a conhecer livros e autores adequados aos gostos e à faixa etária do público. Mas esta iniciativa foi mais longe, desconstruindo a teoria da antítese entre o mundo digital e a literatura.

Os booktokers, ou bookinfluencers, são criadores de conteúdo das redes sociais, nomeadamente TikTok e Instagram, e, ao mesmo tempo, ávidos leitores. Na sessão de hoje estiveram os booktokers Íris Bicho (@didi.books_), Mariana Nunes (@chroniclesofmariana), Miguel Gonçalves (@capitulo_m_geekhouse) e a louletana Rita Chumbinho (@bnblibrary) e no público esteve todo o 3.º ciclo do Agrupamento de Escolas de Castro Marim.

Recorrendo a vídeos, fotografias e pequenos textos, estes booktokers vão-nos mostrando o que estão a ler, acabando por transmitir mais informação e partilha sobre os livros do que aquela que habitualmente nos chega. Esta recente forma de fazer chegar a literatura ao grande público, tem contribuído bastante para incrementar a proximidade dos jovens às bibliotecas e Castro Marim espera assistir ao mesmo fenómeno.

Esta iniciativa foi promovida pela Biblioteca Municipal de Castro Marim e contou com a participação do projeto de promoção do livro e da leitura – “Entrelinhas: conversas literárias para leitores destemidos”, da Biblioteca Municipal Dr. Estanco Louro, em São Brás de Alportel.