Albufeira assinala 19.º aniversário da Biblioteca Municipal Lídia Jorge

A Biblioteca Municipal Lídia Jorge, em Albufeira, está prestar a celebrar o 19.º aniversário de abertura ao público, com a apresentação da performance poética “Amor ou Sanidade?”, a ter lugar no próximo dia 16 de dezembro, a partir das 19h00. Trata-se de um espetáculo com temas originais de Sofia Brito, arranjo eletrónico de Guilherme Limão e arranjo acústico de Vilma Keuchguerien, que promete levar o espetador a viajar através dos sentidos, das sensações e das emoções humanas. A festa encerra com o tradicional corte do bolo de aniversário e todos os participantes a cantarem o “Parabéns a você”. O presidente da Câmara sublinha “a importância do livro e da leitura como forma de transmissão de conhecimentos, valores e ferramenta essencial para aprender a sonhar”. Não falte, venha celebrar connosco!

 

No dia 17 de dezembro de 2004, a Biblioteca Municipal de Albufeira (BMA) abriu portas ao público. Cinco anos volvidos, em 2009, passou a designar-se Biblioteca Municipal Lídia Jorge em homenagem à escritora algarvia.

No próximo sábado, dia 16, já está tudo pronto para assinalar a passagem de mais um aniversário deste importante polo cultural do concelho, que este ano completa 19 anos de existência.

Para assinalar a efeméride, o Município de Albufeira preparou um programa que consiste na apresentação da performance poética “Amor ou Sanidade?”, um espetáculo com textos originais de Sofia Brito. Na realidade, trata-se de um projeto a três mãos (Vilma Keuchguerian, Guilherme Limão e Sofia Brito) que envolve a música – acústica e eletrónica – com a palavra dita.

Uma dinâmica de performance ainda pouco vista em Portugal, na qual o foco cai inteiramente sobre as sensações físicas provocadas propositadamente pela ambiência dos sons e o discurso – quase sempre de caráter social.

Na estrada há cerca de dois anos este espetáculo já passou por várias bibliotecas do país, feiras do livro e centros de apoio social para população sem-abrigo.

O programa termina de forma festiva com o corte do bolo de aniversário, com todos os participantes a cantarem o “Parabéns a você” e desejarem a continuação do sucesso granjeado pela Biblioteca Lídia Jorge ao longo destes 19 anos. Atualmente a Biblioteca conta com 13 966 leitores inscritos, 125 367 livros em catálogo e 125 367 empréstimos efetuados, entre filmes e livros, até ao presente momento.

O presidente da Câmara Municipal de Albufeira destaca “a importância do livro como instrumento de transmissão de conhecimentos, promotor de valores e facilitador do sonho, independentemente da idade de cada um de nós”. José Carlos Rolo refere que “a BMA, para além de ser um equipamento municipal vocacionado para a promoção de hábitos de leitura é um espaço onde decorrem exposições, apresentação de livros, pequenos concertos, seminários, Workshops e programas de ocupação dos tempos livres dos mais pequeninos, como é o caso do programa “Férias Escolares = Biblioteca” e que tem por objetivo proporcionar o acesso gratuito à cultura, em sentido lato, a toda a comunidade do concelho”.

Refira-se que neste momento, a BMA, enquanto espaço multicultural, acolhe duas exposições permanentes: a tapeçaria Algarvensis de Vanessa Barragão e a instalação Andar a pé no fundo do mar, de Jorge Cabrita Matias.