Impacto turístico do festival med volta a ser premiado nos Iberian festival awards

É o décimo prémio conquistado pelo Festival MED nos Iberian Festival Awards. O evento algarvio foi distinguido como o festival ibérico que melhor promove o turismo, durante a gala que decorreu na cidade espanhola de Granada, esta sexta-feira, 15 de março.

Pela quarta vez, o MED destaca-se numa categoria que tem grande relevância para a economia da região em que se enquadra. De referir que nos anos de 2018 e 2020, este festival organizado pela Câmara Municipal de Loulé recebeu a distinção de “Melhor Promoção Turística” de Portugal, enquanto que em 2023 destacou-se na mesma categoria, no contexto ibérico, entre os festivais lusos e espanhóis finalistas.

Ao nível do impacto turístico, o MED tem-se posicionado ao longo dos anos como um evento de referência no Sul do país, que catapulta a economia algarvia. Mais de 40% dos seus visitantes são estrangeiros, com destaque para o público espanhol, inglês, holandês e francês. Para 39% desses visitantes, o MED constitui o principal motivo da sua passagem pelo Algarve no final do mês de junho, um cenário que contribui para a notoriedade do festival e a consolidação da sua marca.

Por outro lado, o impacto na economia local é significativo, registando-se um aumento de 50% a 80% na taxa de ocupação da hotelaria ou um incremento na ordem dos 50% em termos das vendas da restauração.

Enquadrado na programação cultural de uma região virada para o turismo, este evento tem contribuído fortemente para atrair mais visitantes, dando a conhecer o seu palco natural, o casco histórico da cidade de Loulé onde se encontram ícones do património louletano como o Castelo de origem árabe ou os Banhos Islâmicos.

Nesta 8ª edição dos Iberian, o galardão foi recebido pelo diretor do Festival e vereador dos Eventos do Município de Loulé, Carlos Carmo, que relevou a importância do prémio: “Além da promoção da música e culturas do mundo, o Festival MED pretende também projetar o nosso território, o nosso património histórico, a nossa cultura, tradições artesanais, gastronomia mas sobretudo a hospitalidade da nossa comunidade. Constitui o reconhecimento do trabalho de todos os que participam na sua realização, tanto dos trabalhadores da Câmara Municipal de Loulé como dos parceiros externos, entre os quais as equipas de produção, os media partners ou entidades ligadas à logística. Deixamos aqui igualmente uma palavra de apreço à APORFEST, na pessoa do seu presidente, Ricardo Bramão, pelo papel na promoção destes galardões que contribuem para a coesão neste setor. É, pois, um orgulho para o Município estar entre os galardoados desta noite que foi também um momento de encontros e de networking entre os agentes da indústria dos festivais de música”.

Além do Festival MED, eram finalistas na categoria de “Melhor Promoção Turística” os portugueses Azores Burning Summer e FMM Sines – Festival Músicas do Mundo, e, de Espanha, o 17º Ribeira Sacra, Bilbao BBK Live, Icónica Sevilla Fest, Mallorca Live Festival, PortAmérica, SON Estrella Galicia Posidonia e SonRías Baixas. Este último foi o vencedor do lado de Espanha.

Mais Artigos