Homem de 40 anos detido, por fortes indícios da prática do crime de homicídio qualificado em Albufeira

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem, de 40 anos, por fortes indícios da prática do crime de homicídio qualificado, ocorrido no concelho de Albufeira, em outubro de 2019, e que vitimou um homem, de 61 anos, proprietário de uma indústria de fabrico de pastelaria tradicional.

A vítima foi abordada no interior das instalações da empresa, sendo surpreendido numa ocasião em que se encontraria sozinho. Depois de ser agredido com violência, foi amarrado e amordaçado. Acabou por sucumbir às lesões provocadas, vindo a ser localizado já cadáver por funcionários.


O móbil do ilícito terá estado relacionado com o roubo de avultadas quantias de dinheiro que a vítima guardava na empresa e na residência contígua.  


Em resultado de um trabalho de investigação da Diretoria do Sul da PJ, coadunado com inúmeras perícias realizadas pelo Laboratório de Polícia Científica da PJ, viriam a ser recolhidos elementos probatórios que conduziram à identificação do suspeito, determinando a emissão de mandados de detenção pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Albufeira.


Presente à autoridade judiciária competente, foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Mais Artigos