E os dinheiros do PRR não servem para os hangares – algarve -faro- Portugal – antes que se vão sem se gastarem?

Em 2017, as mais altas patentes da Marinha, com a presença de um membro do Governo e do Edil de Faro, também o deputado Luís Graça, além da inauguração de dois monumentos ligados aos Hidroaviões que amararam nos Hangares para defesa do nosso território, assinaram um protocolo com a Associação de Moradores dos Hangares para utilização da ponte para servir a população! Desde aí, nada aconteceu, nem Carreiras Fluviais, Água ou Luz (e as infraestruturas a passarem debaixo dos pés dos Hangarenses) , Muito Menos a Recuperação do Imenso e único nas Ilhas, património Histórico da I e II Guerras Mundiais (do Estado). Isto quando todos se queixam que os investimentos no PRR (milhões da Comissão Europeia) estão em atraso e até podemos deixar de os receber se, até 2026, não estiverem gastos!

Manuel Luis