Mercado de Culturas à Luz das Velas regressa a Lagoa de 14 a 17 de julho

Lagoa volta a receber, depois de dois anos de interregno devido à covid-19, o Mercado de Culturas à Luz das Velas, de 14 a 17 de julho. No Convento de São José e nas ruas circundantes, ao longo de 4 noites, mais de 60 artesãos, de várias culturas e religiões do mundo, irão conviver em harmonia e mostrar aos milhares de visitantes as suas tradições, sabores e artes.

Depois do enorme sucesso das edições anteriores, Lagoa volta a ser o epicentro do Mercado de Culturas às Luz das Velas, com a realização da 7ª Edição, onde terá como temática cultural “Diverculturas & Diversons”.

Este evento cultural de caraterísticas únicas pretende abranger a diversidade cultural e sonora das 6 culturas ou áreas geográficas do mundo que estiveram em destaque nas 6 anteriores edições: cultura Islâmica, cultura judaica-sefardita, cultura celta, Rota da Seda, África e Mediterrâneo.

As músicas tradicionais de raiz estarão em destaque nos quatro cenários (palcos) do evento

com a presença de LU YANAN (China), KILEMA (Madagáscar), MILO KE MANDARINI (Espanha), EL LAFF (Marrocos / Espanha), ZÉ FRANCISCO TRIO, ALGIBRE, BANDA ATLÂNTICA e MÓNICA PEREIRA (Portugal).

À semelhança das anteriores edições haverá diferentes espaços contemplativos que pretendem deleitar os visitantes: Praceta das Velas (dedicada à cultura judaica), a Rua do Oriente e o Jardim Zen. Para além disso, ao todo o evento terá sete zonas com mais de 40 símbolos desenhados com velas que pretendem dar a conhecer as religiões, tradições, gastronomia e mitologia das 6 anteriores culturas que marcaram presença nas anteriores edições, posicionados nas entradas e nos meandros do mercado, constituindo um espetáculo de enorme beleza visual.

A gastronomia também continuará a ter um papel preponderante neste evento. Assim, os claustros do Convento de São José irão converter-se numa Taberna Celta com cerveja artesanal e hidromel.

Também, a sala de exposições do Convento de São José irá receber uma exposição de pintura e colagens denominada “Culturas do Mundo” de Ana Paula Almeida.

O recinto do mercado abre portas pelas 19h00, encerra pelas 00h30 e as velas que constituem os símbolos, que atraem milhares de visitantes ao mercado, são acesas pelas 20h30.  A entrada é gratuita e serão esperados mais de 50 mil visitantes ao longo dos quatro dias.

“Em nome do Município de Lagoa, convido a visitarem o Mercado de Culturas à Luz das Velas, um evento de beleza única que atrai milhares de visitantes às ruas de Lagoa e dá vida à cidade. Neste momento, temos tudo preparado para que este evento volte a ser um enorme sucesso”, afirmou Luís Encarnação, Presidente da Câmara.

PUBLICIDADE