Almancil – Arguido por violência doméstica

O Comando Territorial de Faro, através do Posto Territorial de Almancil, ontem, dia 28 de abril, constituiu arguido um homem de 39 anos por violência doméstica, no concelho de Almancil.

No seguimento de uma investigação por violência doméstica, os militares da Guarda realizaram diligências policiais que permitiram apurar que o agressor infligia ofensas verbais e psicológicas contra a vítima, sua companheira de 34 anos, apurando-se ainda que o mesmo era detentor de uma arma de fogo ilegal. Na sequência da investigação foi dado cumprimento a dois mandados de busca, uma domiciliária e outra em veículo, que culminaram com a apreensão do seguinte material:

·         Uma arma de caça;

·         24 munições de calibre 12;

·         Um invólucro de calibre 12;

·         Três artigos pirotécnicos;

·         3,4 doses de haxixe;

·         Uma arma branca.

O  suspeito foi constituído arguido, e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Loulé.

A ação contou com o reforço da Unidade de Intervenção (UI) e do Destacamento de Intervenção (DI) de Faro.

PUBLICIDADE