Combate à criminalidade violenta

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Sul, no contexto de investigação que decorre por roubos a bancos, deteve um indivíduo de nacionalidade portuguesa, suspeito da prática dos factos, ocorridos na zona do sotavento algarvio.

Na sequência da comunicação efetuada pela PSP, foi possível reunir indícios suficientes para imputar ao arguido um roubo e uma tentativa praticados no presente mês de abril.

O detido de 40 anos de idade, com antecedentes criminais pelo mesmo tipo de atuação criminosa, foi presente à Autoridade Judiciária competente em Faro, que determinou a medida de coação de prisão preventiva.

A investigação, tutelada pela 2.ª Secção do DIAP de Faro, prossegue a cargo da Polícia Judiciária, visando a relação do arguido com outros factos.

PUBLICIDADE