Campanha solidária de adesão à fatura eletrónica e débito direto vai beneficiar a requalificação do parque infantil da instituição “A Catraia”

EMARP reforça o seu compromisso social e assina protocolo com a Casa de Acolhimento – A Catraia  

Ontem, a EMARP, representada pela Presidente do Conselho de Administração, Isilda Gomes, reforçou o seu compromisso social através da assinatura de um protocolo com “A Catraia”, que visa apoiar a renovação do parque infantil da instituição, que acolhe crianças e jovens, dos 0 aos 12 anos.

Durante um ano, por cada cliente que adira à fatura eletrónica dos serviços de Água de Abastecimento, Águas Residuais e Resíduos Urbanos será doado 1 euro à instituição. O mesmo se aplica aos clientes que adiram à modalidade de pagamento através do Débito Direto.

A requalificação do espaço exterior tem como objetivo atenuar o impacto negativo que o contexto de acolhimento residencial pode ter na vida de crianças de uma faixa etária tão jovem, numa fase em que são extremamente energéticas e a coordenação motora estabiliza. Com a renovação pretende-se criar um ambiente mais acolhedor e atrativo para aumentar a sua qualidade de vida e bem-estar, garantindo que crescem saudáveis e felizes.

A adesão à faturação eletrónica e/ou ao débito direto pode ser feita de forma muita simples em  https://www.emarp.pt/register/ , na APP EMARP on line, ou efetuando o pedido por email para geral@emarp.pt.

Atualmente apenas cerca de 14 000 clientes, num universo de 52 200 contratos, recebem a sua faturação de forma digital. É urgente adotar comportamentos que contribuam para reduzir a nossa pegada ecológica. Optar pela FATURA ELETRÓNICA significa uma considerável poupança ambiental associada ao ciclo do papel, impressão e distribuição. Por outro lado, também a adesão ao DÉBITO DIRETO torna o processo de pagamento mais prático e cómodo sem a necessidade de recorrer a deslocações presenciais para esse efeito.

Com um passo simples é possível promover uma atualização tecnológica amiga do ambiente e colaborar ativamente para ajudar uma causa social, como a renovação do Parque Infantil da Casa de Acolhimento – A Catraia.

Durante o ano transato a campanha solidária totalizou a quantia de 9 773,54 euros, a favor do projeto TMN (minha, tua, nossa casa), coordenado pela MAPS, que apoia pessoas sem abrigo de Portimão.

Sobre a Catraia – Centro de Apoio a Idosos

A Casa de Acolhimento “A Catraia”, é uma valência do Centro de Apoio a Idosos de Portimão, que acolhe 20 crianças dos 0 aos 12 anos, que por situações decorrentes de disfunção familiar foram retiradas judicialmente do seu meio após situações de urgência, decorrentes de maus-tratos, negligência, abandono ou outros fatores que colocam em perigo a integridade física ou emocional da criança.

Sobre a EMARPEmpresa Municipal de Águas e Resíduos de Portimão, EM, SA,

Somos uma empresa que tem vindo, desde a sua criação, em 2001, a acumular competências e atualmente atua na prestação de serviços públicos de abastecimento de água para consumo humano, de saneamento de águas residuais e de gestão de resíduos urbanos, na limpeza e higiene pública, na gestão e fiscalização da atividade publicitária, da ocupação de via pública e na gestão do sistema de estacionamento público urbano.

Trabalhamos para ser uma referência nas áreas em que atuamos, capacitando os colaboradores e fomentando uma cultura de melhoria contínua, abrindo espaço para antecipar as necessidades dos clientes e superar as suas expectativas.

Alinhada com as preocupações emergentes ao nível ambiental e equidade social, a nossa promessa é continuar presente na vida dos Portimonenses, com responsabilidade, a trabalhar de forma empenhada e contribuindo para um futuro mais sustentável.

PUBLICIDADE