Castro Marim fez caminhada pela prevenção do cancro da mama

A junta de freguesia de Castro Marim organizou, no passado domingo, uma caminhada solidária pela prevenção do cancro da mama, naquele que era o mês dedicado a esta temática – Outubro Rosa. Os donativos recolhidos, em troca de uma t-shirt ou boné solidário, serão agora entregues à Associação Oncológica do Algarve. 

A esta causa associou-se a Paróquia de Santiago, que teve a sua Igreja Matriz iluminada de rosa, uma iniciativa articulada com o Município de Castro Marim, que apoiou também recentemente a reparação do telhado e a pintura da fachada.

O movimento conhecido por “Outubro Rosa” (Pink October) nasceu nos Estados Unidos da América, na década de 90 do século passado, com o intuito de inspirar a mudança e mobilizar a sociedade para a luta contra o cancro da mama. Desde então, a cor rosa é utilizada para homenagear as mulheres com cancro da mama, sensibilizar para a prevenção e diagnóstico precoce e apoiar a investigação nesta área.

Em Portugal, a Liga Portuguesa Contra o Cancro promove o “Outubro Rosa”, onde sensibiliza para a derradeira importância do rastreio. Em Portugal são diagnosticados mais de 6.000 novos casos por ano de cancro da mama. Se diagnosticado precocemente, este cancro tem uma taxa de cura superior a 90%, por isso a melhor resposta é o rastreio.

O Município de Castro Marim manifesta também a sua solidariedade e endereça um abraço amigo a todos os que sofrem, diretamente ou na família, este tão presente cancro, nas mulheres e homens.

PUBLICIDADE