Comunicado da Câmara municípal de VRSA

COMUNICADO

Na sequência das notícias que vieram a público relativas a um abrigo de animais, atingido pelo incêndio florestal do dia 16 de agosto, situado na localidade de Santa Rita, o executivo da Câmara Municipal de VRSA esclarece:

  1. Quer o executivo, quer a Proteção Civil Municipal não tinham conhecimento do referido espaço onde se encontravam os animais que, infelizmente, foram vítimas do incêndio que deflagrou no passado dia 16 de agosto e atingiu os concelhos de Castro Marim, Vila Real de Santo António e Tavira;
  1. O abrigo, situado na localidade de Santa Rita, que acolhia animais sem o conhecimento do executivo municipal e Proteção Civil, pertencia a um privado que não fez qualquer pedido de ajuda para a retirada dos animais do local;
  1. Caso o executivo do Município de Vila Real de Santo António tivesse tido conhecimento de tal situação, a sua atuação tinha sido idêntica à desenvolvida no canil e gatil municipal, onde, de forma rápida e totalmente eficaz, se diligenciou no sentido de garantir a salvaguarda da vida de todos os animais que lá se encontravam (cerca de 250);
  1. O município irá internamente averiguar se alguma(s) entidade(s) tinha(m) conhecimento da existência deste espaço, de forma a clarificar todo o processo.

PUBLICIDADE