Lagoa – Detido por violência doméstica e detenção de arma proibida

O Comando Territorial de Faro, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Portimão, no dia 13 de julho, deteve um homem de 50 anos por violência doméstica e detenção de arma proibida, no concelho de Lagoa.

No seguimento de uma investigação, os militares da Guarda apuraram que o suspeito exercia violência psicológica e emocional sobre a vítima, de 51 anos, com quem mantinha um relacionamento amoroso há seis anos. Após diligências policiais, os militares deram cumprimento a um mandado de busca e detenção, procedendo à apreensão de uma espada e duas adagas.

O detido foi presente ontem, dia 14 de julho, ao Tribunal Judicial de Portimão, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de apresentações semanais no posto policial da área de residência e proibição de contactos com a vítima.

PUBLICIDADE