Sociedade

COVID-19 – ALGARVE TEM 34 DOENTES INTERNADOS, TRÊS DELES NOS CUIDADOS INTENSI-VOS, 1.810 PESSOAS ESTÃO RECUPERADAS E EXISTEM 879 CASOS ATIVOS

Faleceram, numa semana, mais quatro  idosos no Algarve, com Covid-19, o que eleva para 34  o  total  de óbitos nesta região desde o início da pandemia, segundo o relatório divulgado no dia 30/10/2020 pela Comissão Distrital de Proteção Civil de Faro,  “atualizado às  23:59  horas, de 29 de Outubro de 2020”.  O documento indica, também, que há mais  221  pessoas  em vigilância por parte das autoridades de saúde, numa altura em que aumentou em  332  o número de novos casos de infeção. E depois de uma descida nas últimas semanas, voltou  a subir a percentagem de recuperados, que atinge agora  66,5 por cento.

A região do Algarve conta com   879   casos  ativos   de  Covid-19, ou seja,  mais   48  em comparação  ao registado na semana passada,  numa altura em que há  34  pessoas   hospitalizadas,   três  delas    nos   Cuidados   Intensivos,  o que corresponde a um aumento de cinco e de dois doentes, respetivamente. Este é um dos pontos do relatório semanal da Comissão Distrital de Proteção Civil de Faro, divulgado  no  dia  30/10/2020,  referente à Situação Epidemiológica no Algarve, num quadro “atualizado às 23:59 horas, de 29 de Outubro de 2020” e de acordo com dados fornecidos pela Delegada de Saúde Regional, Ana Cristina Guerreiro, como a própria revelou na habitual conferência de imprensa quinzenal que teve lugar na sexta-feira, nas instalações do Comando Regional de Emergência e Proteção Civil, em Loulé.

2.723    CASOS    CONFIRMADOS    DESDE    O    INÍCIO    DA    PANDEMIA

Por outro lado, existem,   2.723  casos   confirmados, em  valor cumulativo, do novo coronavírus, o que representa  mais  332  pessoas  infetadas em apenas uma semana nesta região do Sul do país.  Uma vez mais é diferente a estatística apresentada pela   Direção-Geral da Saúde,  também no dia  30/10/2020, no seu Relatório de Situação nº. 242, ao  apontar, desde o início da pandemia,    2.699    casos confirmados no Algarve, em total acumulado.

1.408     INDIVÍDUOS    EM    VIGILÂNCIA     ATIVA,    O    QUE   CORRESPONDE   A    MAIS  221    

O quadro divulgado pela Comissão Distrital de Proteção Civil de Faro indica que   1.810   pessoas  estão   recuperadas,  igualmente em total cumulativo, o que corresponde a   mais   280   face à semana anterior, enquanto  que   1.408   se  encontram  em  vigilância ativa por parte das autoridades de saúde.  Ou seja, são  mais    221  nessa condição, de acordo com o relatório regional.

MAIS    QUATRO      MORTES    NUMA    SEMANA       E           6.998     PESSOAS     COM    TESTE     NEGATIVO    PARA    DESPISTAGEM    DO     VÍRUS

Igualmente no espaço de uma semana  mais    6.998   pessoas     tomaram conhecimento, no Algarve,  do resultado negativo aos testes efetuados para despistagem da  Covid-19,  pelo que  ascende, agora,  a  112.007   o número,  em  valor  cumulativo,  de  casos  infirmados, isto é, que não se confirmaram como estando infetados com o novo coronavírus.  Quanto ao número de  óbitos,  o  relatório  semanal da Comissão Distrital de Proteção Civil de Faro indica  34  em  total  acumulado. Assim, foram registados  mais   quatro     falecimentos   nesta  região durante esse período.  Na conferência de imprensa, em Loulé, a Delegada de Saúde Regional, Ana Cristina Guerreiro, anunciou  a ocorrência de “três óbitos na quinta-feira, nos concelhos de São Brás de Alportel, Tavira e Vila Real de Santo António”. Tratam-se de  “três idosas, duas tinham mais de 90 anos e uma tinha 87. Uma delas estava num lar e as outras encontravam-se no Hospital de Faro. Todas tinham patologias de idade”, acrescentou. Nos lares de idosos, existem “três situações” que merecem preocupação, em São Brás de Alportel, Alcoutim e Tavira.   

SITUAÇÃO    “RELATIVAMENTE     ESTÁVEL”    NO    ALGARVE,   CONSIDERA    A    DELEGADA    DE    SAÚDE     REGIONAL,   ANA   CRISTINA    GUERREIRO

Por outro lado, “trabalhadores rurais migrantes” voltam a estar no centro das atenções das autoridades de saúde, devido a casos em Faro, Albufeira, Vila Real de Santo António, Tavira e Olhão. De acordo com a Delegada de Saúde Regional, foram registados  21 desses casos em Tavira e sete em Vila Real de Santo  António, onde decorre “uma grande investigação em vários apartamentos”, podendo os números de contágio vir  a aumentar.

Apesar de tudo, no que diz respeito à pandemia da Covid-19, a situação no Algarve é considerada por aquela responsável como “relativamente estável”, com casos “em crescendo nos últimos dias”, embora sem registar um aumento “alarmante”.

ESTA      É       A      ATUAL        SITUAÇÃO    EPIDEMIOLÓGICA    NA    REGIÃO

Num quadro “atualizado às 23:59 horas, de 29 de Outubro de 2020”, pela Delegada de Saúde Regional, Ana Cristina Guerreiro, é esta a Situação Epidemiológica na Região do Algarve, divulgada no dia 30/10/2020:

– Nº. de casos ativos  (atual)  –  879  (mais   48    do   que  o  indicado no relatório da  passada semana, no dia 23/10/2020)

–  Nº.  de casos confirmados  (cumulativo) –  2.723 (mais     332      do  que  na  semana passada, a  23/10/2020)

–  Nº. de casos infirmados  –  112.007

   (mais    6.998   do que na passada semana,  no  dia  23/10/2020)

– Nº. de internados   –   34

  (mais    5   do que na  semana passada,  a  23/10/2020)

– Nº.  de internados em Unidades de Cuidados Intensivos –  3

  (mais    2    do  que  na passada  semana,  no dia  23/10/2020)

–  Nº.  de altas   (valor  cumulativo)   –   146

   (mais     13    do   que  semana  passada, a  23/10/2020)

–  Nº.  de contactos em vigilância ativa   –   1.408

   (mais     221     do  que na passada semana,  no  dia   23/10/2020)

–  Nº.    de   óbitos   (cumulativo)   –   34

   (mais     4    do que na passada semana,   a     23/10/2020)

–  Nº.   de  casos  novos   nas  últimas  24h.   –   56

   (mais   15      no   mesmo período,   em   comparação com o indicado no boletim da  semana passada,  no  dia   23/10/2020)

– Nº.    de   casos    recuperados   (cumulativo)  –  1.810

  (mais     280      do  que na  passada  semana,  a  23/10/2020) 

–  Percentagem   de    recuperados   –   66,5  %

   (mais       2,51   %    do  que  na    semana  passada,  no  dia

   23/10/2020)

LOULÉ    É    O    CONCELHO     ALGARVIO    COM     MAIOR   NÚMERO   DE   CASOS    CONFIRMADOS   EM     VALOR   CUMULATIVO     E    MAIS    ÓBITOS   

Desta vez, também com base na  Delegada de Saúde Regional, Ana Cristina Guerreiro, o relatório semanal da Comissão Distrital de Proteção Civil de Faro, apresentado no dia 30/10/2020, contendo a Situação Epidemiológica na Região do Algarve, às  23:59 horas do dia 29 de Outubro de 2020, divulgou o número de novos casos (diário) por concelho, bem como o de casos confirmados (cumulativo) e o de óbitos desde o início desta pandemia:

ALBUFEIRA 

441  casos confirmados  (cumulativo)

    5  novos casos  (diário)

    4  óbitos

–  ALCOUTIM

19  casos confirmados  (cumulativo)

  0  novos casos  (diário)

  3  óbitos

Já na sua página na rede social ‘Facebook’, no dia  29/10/2020, a Câmara Municipal de Alcoutim anunciou:

11  casos ativos  (menos um em comparação com a

      informação divulgada a 26/10/2020)

13  em vigilância   (menos um)

  7  recuperados   (mais  um)

  3  óbitos  (sem alteração)

 ALJEZUR

11 casos confirmados  (cumulativo)

 0  novos casos  (diário)

 1  óbito desde o início da pandemia

Recorde-se que no dia  16/10/2020, a  Câmara   Municipal  de   Aljezur,  através da sua página no ‘Facebook’, revelou a existência deum caso ativo neste concelho.

CASTRO  MARIM

44  casos confirmados  (cumulativo)

  1  novo caso  (diário)

Por seu turno, a  Câmara Municipal de Castro Marim, no dia  30/10/2020, na sua página no ‘Facebook’, ao apresentar  o ponto de situação epidemiológica no concelho, informou o seguinte:

12  casos ativos confirmados  (mais  2  em comparação com o

      anterior relatório, divulgado a  28/10/2020)

21  em  vigilância  (sem alteração)

33  recuperados  (sem alteração)

  0  óbitos

–  FARO

286  casos confirmados  (cumulativo)

    6  novos  casos  (diário)

    1  óbito  desde o início da pandemia

–  LAGOA

81  casos  confirmados  (cumulativo)

  0  novo caso  (diário)

  2  óbitos

–  LAGOS

321   casos  confirmados  (cumulativo)

    8   novos casos  (diário) 

LOULÉ

446  casos  confirmados  (cumulativo)

    8  novos  casos  (diário)

  10  óbitos  desde o início da pandemia

Por sua vez, na sua página na rede social ‘Facebook’,  a   Câmara  Municipal   de    Loulé,  no dia  30/10/2020, indicou:

10  casos  novos  (mais  8  em comparação ao anterior quadro

      apresentado a  27/10/2010)

471  casos  positivos  confirmados  (mais  28)

408  recuperados  acumulados  (mais  29)

  12  recuperados   (no dia 29/10/2020)

  51 casos ativos    (menos  um)

  10  óbitos  desde  o  início da pandemia

– MONCHIQUE

17  casos  confirmados  (cumulativo)

  0  novos  casos   (diário)

Tal como na passada semana, o concelho de Monchique continua sem registar casos ativos de Covid-19. Já estão dados como recuperados os 17 casos de infeção registados desde o início da pandemia, como temos assinalado noutras edições.

–  OLHÃO

114   casos  confirmados  (cumulativo)

    0   novos  casos   (diário)

PORTIMÃO

395   casos  confirmados   (cumulativo)

    4   novos  casos   (diário)

    5   óbitos  desde  o   início  da   pandemia

Por outro lado, a  Câmara Municipal de Portimão, ao fazer o ponto de situação da Covid-19 no concelho, no dia 29/10/2020,  apresentou este quadro:

109  casos  ativos   (mais  2  em  comparação  com  o seu anterior

                                 relatório, apresentado a  28/10/2020)

384  total  cumulativo  de   casos   confirmados   (mais   9)

270  total  de recuperados   (mais  7)

    5  óbitos                               

De acordo com a  edilidade portimonense, na mesma data  (29/10/2020), “registaram-se  nove novos casos” de Covid-19, no concelho, sendo sete mulheres e dois homens. Seis são portugueses e três estrangeiros, todos residentes em Portimão.

Quanto  aos  sete doentes recuperados, seis  são mulheres e um homem – cinco de nacionalidade portuguesa e dois estrangeiros. Vivem todos em Portimão.

SÃO  BRÁS   DE   ALPORTEL

46  casos  confirmados   (cumulativo)

  1  novo  casos  (cumulativo)

  3  óbitos

Entretanto, no seu relatório diário sobre a situação epidemiológica da Covid-19, neste concelho, divulgado na rede social ‘Facebook’, já na madrugada de 31/10/2020, a Câmara Municipal de São Brás de Alportel  revelou:

24   casos  ativos   (menos  um  em  comparação ao anterior

       quadro apresentado pela autarquia, no dia  29/10/2020)

200  em  vigilância   (menos  16)

  25  recuperados   (mais  3)

    4  óbitos  desde o início da pandemia. A autarquia comunicou

         o falecimento de um “idoso de 92 anos, que se encontrava

         hospitalizada, e 3 novos casos positivos”.  Já no dia 29/10/2020, a Câmara Municipal de São Brás de Alportel anunciou a morte de “uma idosa de 94 anos, utente do Lar de Terceira Idade da Santa Casa da Misericórdia, que se encontrava hospitalizada, com um conjunto  de comorbilidades”.

    53  é o total acumulado de casos de infeção confirmados desde 10/03/2020

–  SILVES

134   casos  confirmados   (cumulativo)

    7   novos  casos   (diário)

TAVIRA

183   casos  confirmados   (cumulativo)

    7  novos   casos   (diário)

    2  óbitos

No  dia  30/10/2020,  a Câmara Municipal de Tavira  publicou, na rede social ‘Facebook’, este ponto de situação relativo ao concelho:

183   total de casos confirmados   (mais  10  em  comparação  com

         o anterior relatório, divulgado pela autarquia a  29/10/2020)

  69  casos ativos   (mais  8)

121  em  isolamento   (mais  17)

112  recuperados   (mais  1)

    2  óbitos  (mais 1 falecimento – “trata-se de uma idosa com

               outras patologias associadas (doença  oncológica) e que

               se encontrava internada no Hospital de Faro”, segundo

               a autarquia.

VILA   REAL   DE   SANTO   ANTÓNIO

158   casos  confirmados   (cumulativo)

    8  novos  casos   (diário)

    3  óbitos

Por outro lado, a Câmara Municipal de Vila Real de Santo António  divulgou o seguinte ponto de situação epidemiológica no concelho, na rede social ‘Facebook’, a  30/10/2010:

25  casos ativos  (sem  alteração  comparativamente ao relatório apresentado no dia  29/10/2020)

25  em  vigilância  (sem alteração)

129  recuperados   (sem  alteração)

3  óbitos  (mais  uma morte)

VILA   DO   BISPO

27  casos   confirmados  (cumulativo)

  0  novos  casos   (diário)

  

ESTE    É    O    NÚMERO    DE    ZONAS    DE     APOIO    À     POPULAÇÃO    (ZAP),   QUE    SE    MANTÊM       ACIONADAS      NOS    CONCELHOS      DE       PORTIMÃO    E     CASTRO     MARIM,   ASSIM   COMO    UM     CENTRO     DE     ACOLHIMENTO,   EM   TAVIRA,    PARA    QUARENTENA  /  ISOLAMENTO   PROFILÁTICO 

Em relação a instalações de retaguarda no Algarve, para prevenção, preparação e resposta, face à pandemia da Covid-19,  mantêm-se   36  estruturas   a  servirem  de    Zonas  de   Apoio  à   População   (ZAP)  nos 16 concelhos e validadas pelas autoridades de saúde, com capacidade de um   total  de    1.996   camas   para Isolamento Profilático, Quarentena e Reserva Social (apoio a lares de idosos).  Neste momento, continuam acionadas   DUAS   Zonas de Apoio à População nos municípios de Castro Marim  e    Portimão  e  um Centro de Acolhimento, em Tavira, para quarentena/isolamento profilático, como refere o relatório semanal da Comissão  Distrital de Proteção Civil de Faro.

715

CONTINUA    A     SER     O     TOTAL     DE    CAMAS   DISPONÍVEL     EM    16      UNIDADES    HOTELEIRAS   E    INSTALAÇÕES     MILITARES    DO     ALGARVE

Quanto  a  unidades  hoteleiras  e  militares   em  reserva,  nos  16  concelhos do Algarve, mantêm-se disponíveis   “16  Estruturas, com  capacidade de  715   camas”.

Por outro lado, como o Litoralgarve tem referido noutras edições, o Pavilhão do Sporting Clube Farense continua com   50  camas  de reserva  em  apoio ao Hospital de Faro, para doentes Covid-19.  Também o Pavilhão Desportivo Municipal da Penha, situado na capital algarvia, assim como  o espaço de multiusos Portimão Arena, localizado no Parque de Feiras e Exposições, na cidade do Rio Arade, estão preparados  para uma eventualidade de ali poderem vir a ser instalados Hospitais de Campanha, numa fase crítica.

386 

É    O    TOTAL     DE    VISITAS   DE   ACOMPANHAMENTO  DE   TÉCNICOS     DA    SAÚDE,    DA    PROTEÇÃO    CIVIL     E      DA     SEGURANÇA     SOCIAL   A     LARES    DE   IDOSOS,   UNIDADES     DE    INTERNAMENTO   DA    REDE   NACIONAL   DE   CUIDADOS   CONTINUADOS    E    CENTROS    DE    DIA,  EFETUADAS    DESDE    AGOSTO

Ainda segundo este relatório da Comissão Distrital de Proteção Civil de Faro, já foram levadas a efeito,  desde o dia  5  de  Agosto,    386    (mais   36   do que na semana  anterior)   visitas de acompanhamento  às Estruturas Residenciais de Pessoas Idosas, Unidades de Internamento da Rede de Cuidados Continuados   e   Centros   de   Dia,  a cargo de técnicos da saúde, da proteção civil e da segurança social.  O objetivo é  “apoiar as instituições   na  implementação  das medidas adequadas, num carácter preventivo e pedagógico, que visem  dirimir o risco de infeção  por Covid-19”, como temos destacado.

Eis  o registo das visitas já efetuadas:

– Albufeira (33 – mais 4  do  que na passada semana)

– Alcoutim (9  – mais  3)

– Aljezur (3  –  mais  uma)

– Castro Marim (4   – mais  uma)

– Faro (50  –  mais  5)

– Lagoa (26)

– Lagos (33 – mais  5)

– Loulé (67 –  mais   duas)

– Monchique (8)

– Olhão (26  –  mais   3)

– Portimão (48)

– São Brás de Alportel  (11)

– Silves (14 – mais  6)

– Tavira (35  –   mais  4)

– Vila do Bispo (11)

– Vila Real de Santo António (8  –   mais  duas)

Autor: José Manuel Oliveira

Deixe uma resposta