Cultura

Regulamento da Biblioteca Municipal de Lagos vai estar em consulta pública

Foi aprovado pela Câmara Municipal, na sua última reunião ordinária, o projeto de Regulamento de Funcionamento da Biblioteca Municipal de Lagos Dr. Júlio Dantas. O documento, que está disponível para consulta no site institucional do município, pretende fixar normas atualizadas para regular a interação entre serviços e utilizadores, nomeadamente no que diz respeito ao acesso à Biblioteca e aos Polos de Leitura, à consulta de documentos e à requisição domiciliária, entre outros.

Os interessados em participar na consulta pública poderão fazê-lo durante o período de 30 dias úteis, a contar da data de publicação do aviso em Diário da República, dirigindo por escrito, à Câmara Municipal as suas sugestões e contributos.

Terminado o prazo fixado para consulta pública, caso não sejam rececionadas sugestões, a proposta de regulamento será remetida para apreciação e aprovação da Assembleia Municipal.

Situada na Rua Dr. Júlio Dantas, no local onde nasceu o escritor e destacada figura pública que lhe dá nome, a Biblioteca Municipal de Lagos Júlio Dantas foi inaugurada a 1 de novembro de 1991. Ao longo destes quase 30 anos de existência tem desempenhado um papel essencial na difusão da informação e garantia do acesso à mesma, acompanhando a diversificação das fontes de informação e procurando corresponder ao surgimento e desenvolvimento de novos interesses e exigências sociais. Neste caminho cultural e informativo percorrido salienta-se a programação literária de difusão do livro e da leitura e de divulgação de autores e criadores, assim como os muitos projetos concebidos de raiz que a Biblioteca desenvolveu tanto de forma autónoma, como partilhada com outras entidades, como escolas, bibliotecas, associações culturais e recreativas, e particulares.

No quadro de cooperação institucional, a Biblioteca Municipal de Lagos integra a RIBTI (Rede Interconcelhia de Bibliotecas das Terras do Infante), a BIBAL (Rede de Bibliotecas do Algarve), a RNBP (Rede Nacional de Bibliotecas Públicas) e mantém estreita relação com a DGLAB (Direção Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas), organismo que esteve na origem da sua construção e apetrechamento inicial (material e bibliográfico) aquando da decisão governamental, nos anos 80 do século passado, de criação de uma Rede de Bibliotecas Públicas a nível nacional.

Para satisfazer as novas necessidades de consumo informativo e cultural, assim como aumentar o nível de conforto na utilização das suas instalações, a Biblioteca está a ser objeto de um projeto de reabilitação, neste momento em fase de estudo prévio, que, merecendo parecer positivo da DGLAB, avançará para a fase de projeto de execução.

Nota: Aceda aqui ao Projeto de Regulamento

Autor: Câmara Municipal de Lagos

Deixe uma resposta