ASSIM EVOLUI O NOVO CORONAVÍRUS COVID-19 A NÍVEL NACIONAL E NO ALGARVE – DIA 18 DE JULHO DE 2020

De  acordo com o boletim  epidemiológico  da  Direção-Geral da Saúde, no  dia  18 de  Julho  de  2020,  é este o ponto de situação da Covid-19 em Portugal:

– Número total de casos de infeção confirmados  (em números acumulados)  desde o início  da  pandemia – 48.390   (mais  313 do que no dia  17  de Julho de 2020,   tendo-se verificado  76,99  por cento dos casos na região de Lisboa e Vale do Tejo).  Em Portugal, estão infetados 26.894 mulheres e 21.496 homens.

– Número total de casos recuperados – 33.153  (mais   363   do  que  no dia   17   de  Julho  de  2020.  Desta forma, o número de casos recuperados em Portugal é superior ao  de  casos de infeção confirmados, pelo terceiro dia consecutivo.)

– Número total de internados –  452   (mais   05   do  que  no  dia   17  de  Julho  de  2020)

65  em Unidades de Cuidados Intensivos   (menos    02    do    que no  dia  17  de  Julho  de  2020)

– Número  total  de  casos  suspeitos  desde  01/01/2020   –   417.996   (mais  2.145  do  que  no  dia  17   de   Julho  de  2020).  Do total dos  casos  suspeitos,   367.989    não  se  confirmaram  (mais    2.950    do  que  no  dia    17   de  Julho  de  2020).

Por  outro   lado,   1.617   pessoas    (menos   118   do  que  no  dia   17   de  Julho   de   2020)   aguardam  os  resultados  laboratoriais  aos testes  efetuados,  enquanto   que   35.113  (menos   37   do   que  no  dia   17  de  Julho  de   2020)  estão  sob  vigilância  das  autoridades  de   saúde.

– Número  total  de  óbitos  –  1.684   (mais   02   do  que  no  dia  17  de  Julho  de  2020,  tendo ocorrido  na região de Lisboa e Vale do Tejo.)

A região de Lisboa e Vale do Tejo,  que continua a ser a mais afetada em Portugal pela Covid-19, atingiu 24.047  casos de infeção confirmados  em  números acumulados   (mais   241   do  que  no  dia  17/07/2020) e  557  mortes  (ocorreram mais duas).

Segue-se  a  região  Norte,  com  um total acumulado de 18.328 casos de infeção confirmados   (mais  35   do  que  no  dia   17/07/2020)  e  827  óbitos.

A  região  Centro  regista  4.354   casos  de   infeção confirmados  em números acumulados   (mais   14   do  que  no   dia  17/07/2020)  e   251 falecimentos.

O   Alentejo    contabiliza,  desde o início da pandemia,   627     casos   de   infeção confirmados   em   termos  cumulativos  (mais   04   do  que   no   dia   17/07/2020)  e  19  vítimas  mortais  (faleceram mais 04 doentes com Covid-19).

Na região  dos  Açores,  a Direção-Geral da Saúde indica  153  casos  de infeção confirmados   em números acumulados (mais 01 do que no dia 17/07/2020) e mantém a informação sobre 15  mortos.  Já a  Autoridade de Saúde Regional aponta  159 casos confirmados em números acumulados.  E desse total,  07  são casos ativos – cinco na Ilha de São Miguel, um na Ilha Terceira e um outro na Ilha das Flores.

Na  Madeira,  também de acordo com a Direção-Geral da Saúde,   subiu para 101 (mais 02 do que no dia 17/07/2020) o número  de  casos de  infeção  confirmados em números acumulados desde o início da pandemia.  Por sua vez,  o Instituto de Administração da Saúde – RAM   refere a existência de  um  total  de 102  casos  confirmados  (cumulativo),  dos  quais  93  estão  recuperados  e  09  são  ativos.   Quatro  desses doentes encontram-se  internados no Hospital Dr. Nélio Mendonça, na cidade do Funchal.  Ao mesmo tempo, estão a ser acompanhadas pelas autoridades de saúde daquela região autónoma, 9.949 pessoas, 4.680 das quais em vigilância ativa.  Na Madeira, até à data não houve nenhum óbito em consequência do novo coronavírus.

Portugal   tem   agora   13.553   casos  ativos  com Covid-19, ou seja, menos 52 em comparação com o dia 17 de Julho de 2020.

ALGARVE

EXISTEM   MAIS    16    DOENTES     INFETADOS    COM   COVID-19   

O boletim epidemiológico da  Direção-Geral da Saúde,  no  17  de  Julho  de  2020,  indica que, desde o início da pandemia, a região algarvia conta com um total de  780  casos de Covid-19, em números acumulados. Deste modo,  mais   16  pessoas estão infetadas. 

15  ÓBITOS   NO   ALGARVE,  SEGUNDO  A  DIREÇÃO-GERAL   DA   SAÚDE; 

17  VÍTIMAS   MORTAIS,   DE    ACORDO  COM  A  AUTORIDADE   DE   SAÚDE REGIONAL  

Uma vez mais, no Relatório de Situação, referente ao dia 18 de Julho de 2020,  a  Direção-Geral da Saúde  refere   15 óbitos  por  Covid-19,  no Algarve.  A Autoridade de Saúde Regional, recorde-se, mantém, e desde há muito tempo, a indicação de 17 falecimentos.

Os óbitos conhecidos são:

– 3 em Portimão

– 1 em Quarteira, no concelho de Loulé

– 5 em Boliqueime, no concelho de Loulé

– 1 no concelho de São Brás de Alportel

– 2 em Vila Real de Santo António

– 2 no concelho de Albufeira

– 2 no concelho de Lagoa

– 1 no concelho de  Faro

CONCELHO    DE   LOULÉ   É  ONDE  HÁ   MAIS   PESSOAS   RECUPERADAS  NA   REGIÃO    ALGARVIA   

Casos de recuperação conhecidos:

– 99 no concelho de Loulé

– 97 no concelho de Albufeira

– 84 no concelho de Lagos, anunciou a Câmara Municipal

       no dia 16/06/2020.

– 68 no concelho de Portimão, refere a Câmara

       Municipal, no último de ponto de situação no dia 16/07/2020.

– 60 no concelho de Faro

– 34 no concelho de Tavira

– 22 no concelho de Silves

– 21 no concelho de Olhão

– 15 no concelho de Vila Real de Santo António

– 11 no concelho de Lagoa

– 04 no concelho de Monchique

– 03 no concelho de Castro Marim

– 04 no concelho de São Brás de Alportel, informa a

       Câmara  Municipal, ao apresentar o ponto de situação

       epidemiológica no dia 17/07/2020.

PORTIMÃO  TEM    36   CASOS   ATIVOS,   SEGUNDO   O  RELATÓRIO   DA   CÂMARA   MUNICIPAL  

No concelho de Albufeira ascende a  127 o número de casos de infeção confirmados em números acumulados, desde o início da pandemia, enquanto  que Faro regista  106, segundo dados da Direção-Geral da Saúde.

Portimão conta com 95 casos, também de acordo com aquela entidade. Já a Câmara Municipal, no ponto de situação de 16/07/2020, aponta um total de 107 casos de infeção confirmados,  sendo 36  ativos e 68 recuperados, além de 03 óbitos. 

O concelho de  Lagos,  nas contas da Direção-Geral, soma, igualmente, 95 casos em termos cumulativos. Recorde-se que a Câmara Municipal de Lagos, no dia 16/07/2020, indica 116  casos confirmados em números acumulados, dos quais, acrescenta, 32 são ativos.

SETE   PESSOAS   CONTINUAM   SOB     VIGILÂNCIA  DAS  AUTORIDADES  DE  SAÚDE   NO   CONCELHO   DE    SÃO   BRÁS   DE   ALPORTEL 

Já o concelho de  Loulé tem o registo de 87 casos confirmados em números acumulados, no último relatório da Direção-Geral da Saúde, Tavira apresenta 35, Silves, 28 (existem informações de cinco casos ativos neste concelho), Olhão, 25, Vila Real de Santo António, 17,  Monchique, 14, Lagoa, 13, e São Brás de Alportel, 07. Neste concelho do sotavento algarvio, o boletim da situação epidemiológica Covid-19, de 18 de Julho de 2020, publicado pela Câmara Municipal de São Brás de Alportel, no ‘Facebook’, indica um total acumulado de 08 casos confirmados, desde 01/03/2020, dos quais 03 são casos ativos, 04 recuperados e 01 óbito, além de continuarem  sob  vigilância das autoridades de saúde 07 pessoas.

No concelho de Aljezur, a Direção-Geral da Saúde anuncia 06 casos de infeção confirmados, enquanto que a Câmara Municipal  refere 07. Vila do Bispo e Castro Marim, segundo a Direção-Geral da Saúde,  têm, cada qual, registados  04 casos confirmados acumulados. Recorde-se que o presidente da Câmara Municipal de Castro Marim, Francisco Amaral, declarou que o seu concelho “está livre de Covid-19”. “0 Confirmados / 0 em vigilância /  3  recuperados /  0  óbitos”, escreveu, a 06/07/2020, na página do município de Castro Marim, na rede social ‘Facebook’, o autarca.

E até à data,  como o Litoralgarve tem referido, só o concelho de Alcoutim nunca registou qualquer caso relacionado com Covid-19  no Algarve.

O   ALERTA    DA    DIREÇÃO-GERAL   DA   SAÚDE 

Segundo a Direção-Geral da Saúde,  “a informação apresentada refere-se ao total de notificações no sistema SINAVE, não incluindo notificações laboratoriais”, pelo que, nota, “como tal, pode não corresponder à totalidade dos casos por concelho.” “Quando os casos confirmados são inferiores a 3, por motivos de confidencialidade, os dados não são apresentados”, acrescenta.

“A caracterização demográfica dos casos confirmados terá uma atualização semanal, publicada à segunda-feira, na pendência de desenvolvimento nos sistemas de informação”, indica a Direção-Geral da Saúde.

Autor:José Manuel Oliveira

PUBLICIDADE