Sociedade

ASSIM ESTÁ A EVOLUIR O NOVO CORONAVÍRUS (COVID-19) A NÍVEL NACIONAL E NO ALGARVE – DIA 13 DE JULHO DE 2020

O relatório da Direção-Geral da Saúde, do dia  13 de Julho de 2020,  indica este ponto de situação da  Covid-19  em  Portugal:

– Número total de casos de infeção confirmados  (em números acumulados)  desde o início  da  pandemia – 46.818   (mais  306  do que no dia  12  de Julho de 2020, tendo-se  registado 83,01 por cento  dos casos na  zona  de  Lisboa  e  Vale  do  Tejo).  Dos 46.818 casos confirmados (cumulativo), 20.738  são homens e 26.080 são mulheres.

– Número total de casos recuperados – 31.065  (mais  158   do  que no dia  12  de  Julho  de  2020)

– Número total de internados –  467   (mais   05   do  que  no  dia   12  de  Julho  de  2020)

63  em Unidades de Cuidados Intensivos  (menos   01    do  que no  dia  12  de  Julho  de  2020)

– Número  total  de  casos  suspeitos  desde  01/01/2020   –   406.412   (mais  1.302  do  que  no  dia  12  de  Julho  de  2020).  Do total dos  casos  suspeitos,   358.303    não  se  confirmaram  (mais  1.343   do  que  no  dia   12   de  Julho  de  2020).

Entretanto,   1.291   pessoas  (menos   347   do  que  no  dia   12   de Julho   de   2020)   aguardam  os  resultados  laboratoriais  aos testes  efetuados,  enquanto   que   34.301   (menos  211   do   que  no  dia   12  de  Julho  de   2020)  estão  sob  vigilância  das  autoridades  de   saúde.

– Número  total  de  óbitos  –  1.662   (mais  02  do  que  no  dia  12  de  Julho  de  2020.  Um  foi  registado  no Norte   do  país  e  o  outro   na  Região   de   Lisboa   e  Vale  do  Tejo.  Em Portugal, faleceram  até  ao  momento    831  mulheres  e  831   homens.)

A região de Lisboa e Vale do Tejo, o epicentro da pandemia em Portugal, nesta altura,  já conta com 22.865  casos de infeção confirmados  em  números acumulados  (mais   254   do  que  no  dia  12/07/2020)  e  541  óbitos (ocorreu  mais   01).

Segue-se  a  região  Norte,  que regista 18.142 casos confirmados em números acumulados   (mais  33   do  que  no  dia   12/07/2020)  e  823  mortes  (faleceu mais uma pessoa).

A  região  Centro  soma  4.276   casos  de   infeção confirmados  em números acumulados   (mais   09   do  que  no   dia  12/07/2020)  e  250 vítimas mortais.

O   Alentejo   atingiu    576     casos   de   infeção confirmados  em  números  acumulados,  desde  o  início  da   pandemia  (mais 04  do  que  no dia  12/07/2020)  e  18   mortos.

Na Região  dos  Açores,  a Direção-Geral da Saúde mantém  a indicação de 152   casos  de infeção confirmados   em números acumulados   e  15  falecimentos.  Já a Autoridade de Saúde Regional aponta  157 casos de infeção confirmados em números acumulados.  Desse total,  07  são casos ativos.

A  Madeira,  segundo a Direção-Geral da Saúde, tem  agora  99  casos de  infeção  confirmados em números acumulados  (mais  02 do que no dia 12/07/2020).  Por seu turno, as autoridades de saúde regionais revelam a existência de 04 casos ativos.  Não se registaram, até ao momento, óbitos relacionados com Covid-19 nesta região autónoma.

Em Portugal,  há  14.091   casos  ativos  com o novo coronavírus  a serem tratados pelas autoridades de saúde. Tal   significa   mais  146  pessoas comparativamente  ao  dia  12  de  Julho  de  2020.

ALGARVE

SURGIRAM      MAIS      QUATRO     PESSOAS  INFETADAS     

De acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde, a 13 de Julho de 2020,  no Algarve o total acumulado de casos de  infeção confirmados subiu para   708.  Desta forma,   mais  04  pessoas  têm  Covid-19.  

Relatório   da   Direção-Geral   da   Saúde   continua   a   apontar   15  óbitos   no   Algarve, enquanto   que   a   Autoridade   de   Saúde Regional   mantém  a  informação  de  que    já    se     registaram   17 falecimentos 

No dia  13 de Julho de 2020,  a Direção-Geral da Saúde indica, mais uma vez,  15 óbitos na região algarvia. Recorde-se que a Autoridade de Saúde Regional refere, há muito tempo, que já houve 17 vítimas mortais.

Os óbitos conhecidos são:

– 3 em Portimão

– 1 em Quarteira, no concelho de Loulé

– 5 em Boliqueime, no concelho de Loulé

– 1 no concelho de São Brás de Alportel

– 2 em Vila Real de Santo António

– 2 no concelho de Albufeira

– 2 no concelho de Lagoa

– 1 no concelho de  Faro

CONCELHO    DE    LOULÉ    MANTÉM   A   LIDERANÇA       EM      NÚMERO    DE  PESSOAS    JÁ     RECUPERADAS    DE  COVID-19    NO    ALGARVE

Casos de recuperação conhecidos:

– 95 no concelho de Loulé

– 86 no concelho de Albufeira

– 55 no concelho de Faro

– 52 no concelho de Portimão

– 31 no concelho de Tavira

– 15 no concelho de Vila Real de Santo António

– 22 no concelho de Silves

– 16 no concelho de Olhão, de acordo com o presidente da Câmara

       Municipal, António Miguel Pina

– 11 no concelho de Lagoa

– 43 no concelho de Lagos

– 03 no concelho de Castro Marim

– 03 no concelho de Monchique

– 04 no concelho de São Brás de Alportel,  refere a

       Câmara  Municipal, no ponto de situação epidemiológica

       diário – 13/07/2020.

OLHÃO    REGISTA    “APENAS    9    CASOS  ATIVOS”,    SEGUNDO     ANTÓNIO     MIGUEL  PINA,    PRESIDENTE     DA     CÂMARA  MUNICIPAL  

Fica atualizado no dia 14 de Julho de 2020 o trabalho que a  Direção-Geral da Saúde realizou  para a  “verificação de todos os dados com as autoridades locais e regionais”,  tendo em vista  a informação sobre a situação epidemiológica de  cada concelho de Portugal.

Neste momento, de acordo com  dados disponíveis,  o concelho de Lagos conta com 104 casos ativos.

Nesta lista, seguem-se Portimão, com 47 casos ativos (a Câmara Municipal, desde o dia 09/07/2020,  indica 39),  Albufeira (43), Faro (20), Loulé (20), Tavira (16), Monchique (11) e Olhão (09). Recorde-se que neste concelho do sotavento algarvio, o presidente da Câmara Municipal, António Miguel Pina, revelou, no domingo, dia 12/07/2020, na página da autarquia no ‘Facebook’, o seguinte: “No total, temos 25 casos registados para 45 mil habitantes. Apenas 9 casos ativos. Pois, para além dos primeiros 14, já se encontram recuperados 2 dos 11 novos casos detetados nas  últimas semanas, todos interligados.”

CÂMARA  MUNICIPAL   DE   ALJEZUR  VAI  FAZER  TESTES  PARA  DESPISTAGEM   DE     COVID-19  A  TODOS   OS   SEUS  TRABALHADORES,  APÓS  UMA  FUNCIONÁRIA   TER  FICADO   INFETADA     

Já o concelho de Aljezur apresenta 07 casos ativos. A  Câmara Municipal informou, recorde-se, que “uma pessoa está internada e seis encontram-se em isolamento obrigatório nos seus domicílios, acompanhadas pela Autoridade de Saúde Pública e entidades locais.” Como um dos casos positivos diz respeito a uma funcionária da Câmara Municipal de Aljezur, “o serviço a que pertence foi encerrado e os restantes trabalhadores desse serviço encontram-se em quarentena nos seus domicílios.” “A cadeia de transmissão do vírus está identificada pela Autoridade de Saúde, mas apesar de até ao momento não existir transmissão comunitária, a autarquia vai proceder à testagem de todos os seus trabalhadores”, referiu a edilidade.

CONTINUA  A  DESCER  O  NÚMERO  DE   PESSOAS   SOB   VIGILÂNCIA  DAS  AUTORIDADES  DE  SAÚDE  NO  CONCELHO  DE   SÃO  BRÁS  DE  ALPORTEL

O concelho de Silves tem 06 casos ativos, o de Vila Real de Santo António, 05, e o de Lagoa, 03.  Em São Brás de Alportel,  o ponto de situação epidemiológica apresentado pela Câmara Municipal   perto das 21h00, de segunda-feira, dia 13/07/2020, mantém a informação sobre 03 casos ativos e 08 pessoas sob vigilância das autoridades de saúde, o que, neste aspeto,  representa menos três em comparação com o relatório do dia anterior.

ALCOUTIM,  CASTRO  MARIM  E  VILA  DO  BISPO  NÃO  FIGURAM  NA  LISTA   DE  CASOS  ATIVOS,  APRESENTADA  PELA  AUTORIDADE  DE  SAÚDE  REGIONAL  

Como o Litoralgarve já referiu, estão de fora desta lista da Autoridade de Saúde Regional do Algarve, os concelhos de Castro Marim (recorde-se que o presidente da Câmara Municipal, Francisco Amaral, declarou que o seu concelho “está livre de Covid-19”, após a recuperação de três doentes e de já não ter pessoas sob vigilância das autoridades de saúde), de Vila do Bispo e de Alcoutim. No documento sobre os casos ativos por concelho – Região do Algarve, datado de 09/07/2020, lê-se: “Notas metodológicas: Por motivos de confidencialidade, quando os casos ativos confirmados são inferiores a 3 os valores não são apresentados.”  

Autor: José Manuel Oliveira

Deixe uma resposta