Politica

«LITORALGARVE» APRESENTA OS NOVE DEPUTADOS ALGARVIOS

Nas eleições legislativas realizadas no passado domingo, dia 06 de Outubro de 2019, o Partido Socialista foi o mais votado no Círculo Eleitoral de Faro, ou seja no Algarve, alcançando 36,76 por cento, com um total de 63.469 votos, o que lhe permitiu eleger cinco deputados – JAMILA MADEIRA, JOSÉ APOLINÁRIO, JORGE BOTELHO, JOAQUINA MATOS e LUÍS GRAÇA.

Em 2015, com 32,77 por cento, tinha conseguido quatro deputados.

Em segundo lugar, ficou o Partido Social Democrata (PPD/PSD), com 22,30 por cento, a que corresponderam 38.516 votos, possibilitando a eleição de três deputados – CRISTÓVÃO NORTE, RUI CRISTINA e OFÉLIA RAMOS.

  Há quatro anos, a então coligação ‘Portugal à Frente’, formada pelo PPD/PSD e pelo CDS-PP, conseguiu o mesmo número deputados, com a particularidade de o terceiro pertencer aos centristas.

O Bloco de Esquerda, nestas eleições legislativas, conquistou 12,31 por cento, ou seja 21.255 votos, mantendo, assim, um deputado – JOÃO VASCONCELOS.

CDU fica sem deputado

Quem perdeu, agora, no Círculo Eleitoral de Faro, onde são eleitos nove deputados, foi a CDU – Coligação Democrática Unitária, constituída pelo Partido Comunista Português e pelo Partido Ecologista ‘Os Verdes’, que ficou sem qualquer representante. Com 7,05 por cento, conseguiu 12.180 votos. Recorde-se que em 2015, tinha mantido um deputado.

Abstenção situou-se em 54,17 por cento e houve mais de 7.900 votos nulos e brancos

 Nestas eleições, nos 16 concelhos do Algarve a abstenção atingiu 54,17 por cento, ou seja 204.102 pessoas com direito a voto não foram às urnas (há quatro anos, situou-se nos 48,62 por cento). Os votos nulos foram 3.069 (1,78 por cento), enquanto 4.900 eleitores votaram em branco. Isto é, 2,84 por cento do total dos votantes.

São estes os nove deputados algarvios para o mandato 2019/2023:

PARTIDO SOCIALISTA (PS)

JAMILA BÁRBARA MADEIRA E MADEIRA

Com 44 anos, natural de Alte, aldeia do concelho de Loulé, licenciada em Economia no Instituto Superior de Economia e Gestão (1993/1997), em Lisboa, é economista e quadro permanente da empresa EDP – Redes Energéticas Nacionais, como Diretora para a Agenda Europeia de Energia. 

Deputada do PS na Assembleia da República pelo Círculo Eleitoral de Faro em várias legislaturas, desde 1999, ocupou, na última, o cargo de Vice-Presidente do Grupo Parlamentar do partido. Apoiante de António José Seguro, quando o então o secretário-geral ‘rosa’ disputou (e perdeu), em 2014, a liderança do PS com António Costa, Jamila Madeira foi, também, eurodeputada em Bruxelas, de 2004 a 2009, e, antes, secretária-geral da JS nacional.

É filha do conhecido advogado Luís Filipe Madeira, residente em Alte e histórico dirigente do PS no Algarve, antigo deputado na Assembleia da República pelo Círculo Eleitoral de Faro e eurodeputado, entre vários cargos. Recorde-se que o pai de Jamila Madeira também foi secretário de Estado do Turismo e presidente da Região de Turismo do Algarve.

JOSÉ APOLINÁRIO NUNES PORTADA

 Natural de Pechão, freguesia do concelho de Olhão, com 57 anos, é jurista e (ainda) secretário de Estado das Pescas, após ter desempenhado, a partir de Fevereiro de 2012, o cargo de presidente Conselho de Administração da Docapesca, empresa pública sediada em Lisboa, responsável pela gestão das lotas portuguesas. Antes, exerceu funções de Diretor-Geral das Pescas.

A nível político, foi Secretário-Geral da JS nacional, deputado na Assembleia da República em várias legislaturas, desde 1983, eurodeputado do PS em Bruxelas, de 1993 a 1998, e presidente da Câmara Municipal de Faro, entre 2005 e 2009 (ano em que perdeu as eleições autárquicas para o social-democrata José Macário Correia), entre outros cargos no Algarve.

Nestas eleições legislativas, José Apolinário ocupou o segundo lugar da lista de candidatos a deputados do PS pelo Círculo Eleitoral de Faro.

JORGE MANUEL DO NASCIMENTO BOTELHO

 Licenciado em Direito pela Universidade de Coimbra, fez estágio na Ordem dos Advogados e exerceu na cidade de Tavira, de onde natural e reside. Em seguida, efetuou uma pós-graduação em Gestão Empresarial pela Universidade do Algarve, em Faro.

Com 52 anos e Inspetor Principal da carreira de Inspeção Superior da Segurança Social, foi Vogal do Conselho Diretivo do Centro Regional de Solidariedade e Segurança Social do Algarve, de 1996 a 2000, passando a Diretor Distrital do Centro Distrital de Faro deste organismo, entre 2001 e 2002, e de Maio de 2005 a Outubro de 2009.

É Presidente da Câmara Municipal de Tavira, desde esse ano (e, como tal, a cumprir o seu terceiro e último mandato autárquico) e, também, do Conselho Executivo da AMAL – Comunidade Intermunicipal do Algarve, com sede em Faro e que inclui as 16 câmaras municipais do distrito. Deverá suspender, em Outubro de 2019, o mandato de presidente do executivo camarário tavirense, podendo, mais tarde, renunciar ao cargo, seguindo o mesmo exemplo na AMAL – Comunidade Intermunicipal do Algarve, para exercer ser deputado do PS na Assembleia da República, em Lisboa. Será um estreante no hemiciclo de São Bento, após ter integrado a lista do partido pelo Círculo Eleitoral de Faro, em terceiro lugar.

MARIA JOAQUINA BAPTISTA QUINTANS DE MATOS

Com 67 anos, licenciada em Filologia Germânica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (1974/1975), é professora, aposentada, de Português e de Inglês, do 2º. Ciclo do Ensino Básico. Já foi deputada do PS na Assembleia Municipal de Lagos, e vereadora da Câmara Municipal de Lagos, de 1994 a 1997, em regime de substituição. No ano de 2002, ocupou o cargo de Vice-Presidente do executivo camarário lacobrigense, então presidido por Júlio Barroso, nos mandatos de 2002 a 2006 e de 2006 a 2009, e no mandato de 2009 a 2013, tendo, entretanto, deixado a autarquia em Julho de 2011, alegando motivos de saúde. De 2002 a 2005, exerceu também funções de Presidente da Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Lagos, como representante da Câmara Municipal.

É Presidente da Câmara Municipal de Lagos desde 14 de Outubro de 2013, tendo sido reeleita para segundo mandato em 2017. Vai renunciar ao cargo, em Outubro de 2019, para ocupar o lugar de deputada na Assembleia da República, em Lisboa. Aos 61 anos, fará a sua estreia no hemiciclo de São Bento, após ter integrado a lista de candidatos do PS pelo Círculo Eleitoral de Faro, em quarto lugar.

 LUÍS MIGUEL DA GRAÇA NUNES

Funcionário do Instituto de Segurança Social / Centro Distrital de Faro, tem 47 anos e foi deputado do PS na Assembleia da República, eleito pelo Círculo Eleitoral de Faro, no mandato de 2015 a 2019, além de presidir, atualmente, à Assembleia Municipal nesta cidade. Há quatro anos, integrou a lista de candidatos do partido ‘rosa’, em quarto lugar. Nestas eleições, ocupou a quinta posição.

Presidente da Federação Regional do PS Algarve, já desempenhou o cargo de vereador da Câmara Municipal de Faro, então presidida por José Apolinário. Natural de Lagos, foi assessor político do executivo camarário local, na altura presidido por Júlio Barroso.

PARTIDO SOCIAL DEMOCRATA (PPD/PSD)

CRISTÓVÃO NUNES GUERREIRO NORTE

Natural de Faro, tem 43 anos, é economista e jurista. Deputado do PSD desde 2011 na Assembleia da República, sempre pelo Círculo Eleitoral de Faro, foi eleito, em 2015, pela coligação ‘Portugal à Frente’, formada pelo PPP/PSD e CDS-PP. Nestas eleições legislativas realizadas no passado dia 06 de Outubro de 2019, encabeçou a lista do PSD. É filho do antigo jurista Cristóvão Norte, histórico dirigente do PSD no Algarve e antigo deputado na Assembleia da República, também pelo Círculo Eleitoral de Faro

RUI CELESTINO DOS SANTOS CRISTINA

Tem 40 anos, é engenheiro civil e Diretor de Manutenção de Infraestruturas na empresa municipal Infralobo, sediada em Almancil, no concelho de Loulé, e com capital maioritário (51 por cento) da Câmara local, e de Vale do Lobo RTL, SA (49 por cento).

Presidente da Comissão Política de Secção de Loulé do PSD e membro do Conselho Nacional do partido, presidido por Rui Rio, é também, desde 2014, vice-presidente da Comissão Política Distrital de Faro, liderada por David Santos.

Nestas eleições legislativas, Rui Cristina integrou a lista de candidatos do PSD a deputados pelo Círculo Eleitoral de Faro, em segundo lugar.

OFÉLIA ISABEL ANDRÉS DA CONCEIÇÃO RAMOS

Jurista, com 49 anos, é funcionária da Câmara Municipal de Faro, exercendo as funções de Diretora do Departamento de Assuntos Jurídicos e Contencioso. Em 2003 e 2004, foi Delegada em Faro do Instituto Português da Juventude, e de Dezembro de 2011 a Março de 2016, desempenhou o cargo de Diretora do Instituto de Segurança Social no Algarve. Entre outros cargos, foi, anteriormente,Vogal do Conselho de Administração do Hospital Distrital de Faro, de 2004 a 2006, e Presidente do Conselho de Administração do Conservatório Regional do Algarve Maria Campina, na capital algarvia.

Em termos políticos, é Presidente da Comissão Política de Secção de Faro do PSD e Vogal da Comissão Política Nacional do partido. Integrou a lista de candidatos a deputados do PSD à Assembleia da República, pelo Círculo Eleitoral de Faro, em terceiro lugar, o que lhe permite, agora, um lugar no hemiciclo de São Bento, em Lisboa, nesta nova fase da sua carreira política.

BLOCO DE ESQUERDA (BE)

JOÃO MANUEL DUARTE VASCONCELOS

Com 63 anos, licenciado em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e Mestre em História Contemporânea, é professor de História no ensino secundário (atividade que entretanto suspendeu), em Portimão, de onde é natural e reside. É vereador da Câmara Municipal de Portimão e deputado desde 2015 na Assembleia da República, pelo Círculo Eleitoral de Faro. Foi eleito, agora, para o seu segundo mandato, ao encabeçar a lista do Bloco de Esquerda.

Deixe uma resposta