Diversos

CADÁVER DE MULHER APARENTANDO 30 ANOS DÁ À COSTA NA ZONA DE SAGRES

Os Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo recuperaram, nesta quinta-feira, dia 03 de Janeiro de 2019, na zona de Ponta Ruiva, situada a norte de Sagres e frequentada por surfistas, o corpo de uma mulher aparentando cerca de 30 anos de idade, após o mesmo ter sido visto a boiar junto a falésias por um popular que avisou as autoridades.

Fonte do Centro Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Faro disse ao «Litoralgarve» que o alerta foi recebido pelas 15.02 horas, tendo o cadáver sido transportado para o Gabinete Médico-Legal no Hospital do Barlavento, em Portimão, para autópsia. A Polícia Judiciária procede a investigações.

CORPO ENCONTRADO PODERÁ SER DA CONDUTORA DO CARRO CAÍDO DE UMA FALÉSIA PERTO DO CABO DE SÃO VICENTE NA NOITE DA PASSAGEM-DE-ANO

Para já, as autoridades não confirmam, mas tudo parece indicar que, apesar da distância em que foi encontrado, o aparecimento do corpo desta mulher, o qual, segundo apurou o «Litoralgarve», poderá estar relacionado com a queda de um veículo ligeiro por volta das 20h45m na noite da passagem-de-ano, segunda-feira, 31 de Dezembro de 2018, próximo da Fortaleza do Beliche, na zona do Cabo de São Vicente, em Sagres, do cimo de uma arriba com mais de cinquenta metros de altura.

O automóvel, que tinha sido alugado por uma cidadã de nacionalidade espanhola, acabou por ir parar a uma zona dos rochedos, onde durante a maré-cheia ficou quase coberto pelas águas, e foi retirado, no dia seguinte, 01 de Janeiro de 2019, por uma equipa de regate dos Bombeiros Voluntários de Vila do Bispo. Na altura, elementos desta corporação, da Polícia Marítima e da embarcação salva-vidas da Estação de Sagres do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN), numa operação conduzida pela Capitania do Porto de Lagos, responsável pela jurisdicão da área, procederam a buscas no local, mas não encontraram qualquer vítima.

SUICÍDIO OU ACIDENTE  ?

This image has an empty alt attribute; its file name is pj-portimao1-1.jpg

Como o «Litoralgarve» referiu em anteriores notícias sobre este caso que tem intrigado as autoridades, a zona do Cabo de São Vicente, em Sagres, é bastante frequentada ao longo de todo o ano por milhares de visitantes, nacionais e estrangeiros, além de pescadores lúdicos não só daquela área, como de todo o Algarve e até de outras regiões do país. Mas ali também têm ocorrido acidentes com turistas, nomeadamente em cenas fotográficas no alto das arribas, suicídios e até simulações de suicídios, nalgumas situações com carros abandonados no local. Acidente ou suicídio é o que, neste momento, os inspectores do Departamento de Investigação Criminal de Portimão da Polícia Judiciária tentam desvendar, agora que estão na posse da viatura caída do alto de uma arriba e de um corpo que poderá ter sido arrastado pela corrente marítima.

Deixe uma resposta