Diversos

CONSELHO DE COORDENAÇÃO INTERSECTORIAL DA CCDR ALGARVE FAZ PRIMEIRA AVALIAÇÃO DAS AÇÕES NO PÓS-INCÊNDIO

No âmbito das suas atribuições, o Conselho de Coordenação Intersectorial da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve (CCDR Algarve) reuniu-se para uma primeira avaliação e seguimento das intervenções de recuperação, desenvolvidas após o incêndio que afetou os concelhos de Monchique, Portimão e Silves, em Faro.

Reunido hoje, sob a presidência de Francisco Serra, na sequência de convocatória dirigida aos seus membros na passada quinta-feira para avaliação da situação pós-incêndio, o Conselho de Coordenação Intersectorial do Algarve, órgão que promove a coordenação técnica da execução das políticas da administração central, à escala regional, reconheceu o esforço e a capacidade de todos os agentes de proteção civil na redução de riscos e salvaguarda de vidas humanas, durante as opera-ções de combate ao fogo, e manifestou a sua solidariedade a todas as famílias e empresas afetadas, nos três concelhos abrangidos pelo incêndio.

De igual forma, foi sublinhada a pronta intervenção do Governo e, particularmente, do Senhor Primeiro-Ministro, determinando o rápido levantamento de danos e prejuízos e dinamizando a intervenção, já em curso, dos serviços públicos nas áreas da Agricultura e Florestas, Segurança Social e Habitação, Economia e Turismo e Desenvolvimento e Coesão, permitindo uma rápida atuação na minimização dos impactes negativos junto das famílias e das instituições locais e na reposição do potencial produtivo do tecido empresarial, em estreita articulação com as Autarquias.

Apesar da forte consciencialização que impera na região para estes temas, o Presidente da CCDR Algarve salientou o elevado espírito de solidariedade prontamente manifestado pela AMAL – Comunidade Intermunicipal do Algarve, Serviços Municipais de Proteção Civil e sociedade civil algarvia, disponibilizando e partilhando meios e recursos para enfrentar a complexidade de uma ocorrência desta dimensão, organizando a resposta e articulando vontades para mitigar o sofrimento das famílias e limitar os prejuízos.

De igual forma, o Presidente da CCDR Algarve sublinhou a inteira disponibilidade das empresas prestadoras de serviços de primeira necessidade, empenhando-se no restabelecimento da normalidade no fornecimento de energia elétrica e das comunicações telefónicas e repondo as garantias de circulação em segurança na rede viária de Monchique, Portimão e Silves.

Autor: CCDR Algarve

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *